quarta-feira, 27 de junho de 2012

Sila Tarot: A importância do Sono



Falar sobre o "sono" é falar sobre 1/3 das nossas vidas.

Apesar do avanço da ciência no que diz respeito ao sono, ainda não há uma resposta consensual à pergunta "para que serve o sono?" Existem algumas teorias, entre as quais se inclui servir o sono para conservação da energia, adaptação ao meio ambiente, reforço e consolidação da memória, manter a integridade do Sistema Nervoso Central e restaurar tecidos do corpo e do cérebro.

O sono será um dos temas que mais fascinou o homem desde os primórdios, sendo pois numerosas vezes abordado na filosofia, romances, pintura, música e outras artes.

É um total contra-senso o facto de que, num mundo em que cerca de 16 a 40% das pessoas em geral sofrem de insónias, haja aquelas que, iludidas pelos valores da sociedade industrial, se esforçam por reduzir o número de horas de sono diário,. Com isso acreditam, provavelmente, que um corpo "treinado" para dormir menos, nos permita ampliar o número de "horas úteis" do dia, mantendo o mesmo desempenho.

Pura ilusão ou, mais provavelmente, uma boa dose de ignorância sobre a importância que o sono tem no funcionamento do nosso corpo e da nossa mente.

Dormir não é apenas uma necessidade de descanso mental e físico: durante o sono ocorrem vários processos metabólicos que, se alterados, podem afectar o equilíbrio de todo o organismo a curto, médio e, mesmo, a longo prazo. Estudos provam que quem dorme menos do que o necessário tem menor vigor físico, envelhece mais precocemente, está mais propenso a infecções, à obesidade, à hipertensão e ao diabetes .




Dormir bem é fundamental, não somente para a melhorar a execução das tarefas diárias. O descanso é de suma importância para a sua saúde e o seu conforto. O sono é uma necessidade de recuperação essencial ligada a todos os órgãos do corpo. Funções essenciais como conservação de energia, metabolismo anabólico, amadurecimento do sistema nervoso central, consolidação da memória e secreção hormonal são desempenhadas.

Nada como uma óptima noite de sono para acordar novo e com mais disposição para enfrentar o dia. Muitas pessoas tem curiosidade em saber quanto tempo e como devem dormir. Pena que a rotina atarefada nem sempre permita um sono tranquilo. Se é o tipo de pessoa que deixa de dormir para estudar ou trabalhar ou deixa que as aflições do dia-a-dia atrapalhem o seu sono, trate de relaxar.

A quantidade de sono ideal depende de cada pessoa. Na Maioria dos casos, a população adulta precisa dormir de 6 a 8 horas por noite. “Eventualmente, uma pessoa saudável pode dormir menos que isso sem prejudicar a saúde. Só não se deve tornar rotina.




Quais as Etapas do Sono?

Segundo os neurologistas, o sono é dividido em partes que geram ciclos. As partes de sonolência e de sono leve fazem parte do sono superficial, que são os I e II estágios. Quando o sono se intensifica, a actividade eléctrica cerebral fica mais lenta. Esse é o estágio III ou sono de ondas lentas, que representa os instantes do descanso cerebral e da reorganização da memória.

O climax dos processos acontece no sono REM (Rapid Eye Moviment). É a fase em que sonhamos, em que ocorre o relaxamento completo da musculatura do corpo. “O REM equivale a cerca de 25% do nosso sono. Durante esse tempo, o corpo faz a renovação de toda a musculatura. O conteúdo aprendido durante o dia é processado e armazenado na nossa memória.



Mesmo se dormir mal uma noite não afecta a sua saúde, essa carência de sono será notada no dia seguinte: Uma noite mal dormida interfere em todas as tarefas do dia-a-dia, desde o humor da pessoa até a sua produtividade no trabalho. Irritação, cansaço, sonolência e instabilidade emocional para enfrentar uma rotina stressante são alguns problemas enfrentados por quem dorme pouco.

É fundamental entre a hora que se deita e a que se levanta. Quando dormimos menos numa determinada noite, o que se deve fazer é antecipar um pouco a hora de ir para cama na noite seguinte. Se para tentar compensar, a pessoa acordar muito mais tarde do que seu horário habitual ou então fazer uma sesta após o almoço, naturalmente terá maiores dificuldade em dormir na noite seguinte, perpetuando o problema.





Dicas para dormir melhor!

- Mantenha o quarto sempre com uma temperatura estável e agradável. Deixe-o arejado durante o dia e escuro à noite;

- Estabeleça horários de dormir e acordar, respeitando o seu ritmo biológico;

- Evite álcool ou bebidas com cafeína à noite;

- Evite o uso regular de tranquilizantes para dormir;

- Faça refeições leves à noite;

- Evite fazer exercícios físicos perto da hora de dormir;
- Evite actividades estimulantes à noite.

Sem comentários:

Enviar um comentário

GOSTOU COMENTE!
NÃO GOSTOU, COMENTE NA MESMA!