sexta-feira, 27 de julho de 2012

Sila Tarot: Medicinas Alternativas



    A MEDICINA ALTERNATIVA também conhecida por Terapêutica Complementar, Medicina não convencional ou Terapia Natural baseia-se em sistemas de tratamentos/terapias alternativas que não são muito utilizados pelos “médicos convencionais”.
    A Medicina Alternativa inclui todas as práticas terapêuticas e preventivas, bem como os tratamentos que, geralmente, não são reconhecidos pela comunidade médica, uma vez que estes não se coadunam com a medicina convencional. É também conhecida por Medicina Complementar ou Terapia Complementar, podendo ser usada, ou não, desta forma. Algumas práticas de medicina alternativa não têm qualquer explicação científica.



    Segundo pesquisas realizadas, em Portugal, a procura pelas terapias naturais aumentou nos últimos dez anos “levando” o estado português a ponderar na elaboração de uma lei que enquadrasse as actividades das medicinas alternativas, bem como do exercício dos seus profissionais. A Lei nº 45/2003, de 22 de Agosto, faz o enquadramento base das terapêuticas não convencionais, estabelecendo as terapêuticas reconhecidas, bem como da acreditação dos seus profissionais.


    Quanto às medicinas alternativas um Barómetro DN/TSF/Marktest (realizado entre 20 e 23 de Novembro com o recurso a 807 entrevistas a indivíduos de idade igual ou superior aos 18 anos residentes em Portugal Continental, 428 das quais mulheres. O erro da amostra é de 3,5 por cento) revelou que só 15,4% da população inquirida admitiu ter utilizado este tipo de terapêutica e a população de idade compreendida entre os 35 e os 54 são os que mais desejam este tipo de medicina reconhecida.




    São várias as modalidades da medicina alternativa, tais como:
    • Acupunctura
    • Arte terapia
    • Auriculoterapia
    • Ayurveda
    • Biodança
    • Bioenergologia
    • Cromoterapia
    • Florais de Bach
    • Homeopatia
    • Iridologia
    • Magnetoterapia
    • Quiropráxia ou Quiroprática
    • Reflexologia
    • Osteopatia
    • Naturopatia
    • Fitoterapia
    • Medicina Ortomolecular

Sem comentários:

Enviar um comentário

GOSTOU COMENTE!
NÃO GOSTOU, COMENTE NA MESMA!