quarta-feira, 6 de fevereiro de 2013

Sila Tarot: Causas Espirituais da Depressão!

 
A depressão é tão natural no ser humano quanto o amor. Isso porque a depressão, a revolta e o sofrimento estão relacionados ao amor às coisas, às pessoas, às situações ou a um ideal. Mas, no fundo, o que realmente acontece é que estamos a amar-nos a nós mesmos mais do que aos outros, isso porque quando amamos alguém ou algo esperamos sempre um retorno, mesmo inconscientemente. Só que nossa mente disfarça esse egoísmo de várias formas. Quando esse retorno não vem - e provavelmente não virá - sofremos, e uma das formas de sofrimento é a depressão.

O budismo veio para resolver de vez as causas do sofrimento. Então, porque isto não é ensinado nas escolas? Porque o apego é a força motora da sociedade. Seja no trabalho, seja na família. Mas será que o cristianismo, tão difundido no ocidente (e ensinado nas escolas) não poderia resolver? Sim, e o verdadeiro cristianismo (que não é ensinado nas escolas) ensina-nos, assim como o budismo, que estamos perdidos atrás de ilusões, deixando o mundo guiar-nos quando deveríamos ter na consciência o verdadeiro paradigma moral e social. Mas só o que aprendemos nas escolas e Igrejas é que Jesus morreu para nos salvar. Tudo é pouco explorado e o essencial não é ensinado.

Então, porque manter esse status quo e sofrer com a depressão, o "mal do século"? Porque o importante é ter sucesso, ganhar dinheiro e ser popular... e existem as drogas /medicamentos para preencher o vazio. Isso mantém a economia a funcionar, que é o único motivo pelo qual parece que nós, estamos aqui.

A depressão pode envolver questões genéticas (pais a avós com tendências), psicológicas (idade avançada, fatores traumáticos), sociológicas (pressão da família, da sociedade, falecimento de alguém querido), hormonais e fisiológicas (menopausa, depressão pós-parto, falta de sono). Mas também pode envolver questões espirituais, como apego, obsessão e culpa de coisas feitas em vidas passadas. É isso que abordarei de seguida.
 

Todos nós já tivemos muitas vidas, já conhecemos muita gente e já fizemos muitos erros (e também coisas boas, claro). Estamos aqui tanto para continuar a aprender a viver com os nossos semelhantes como para saldar nossas dívidas para com quem ofendemos. Viemos para “fazer as pazes” com o mundo. Viver em harmonia, não implica conviver, mas sim conviver pacificamente com os outros, e apesar deles. O fato é que em outras vidas provavelmente lidamos com pessoas vingativas ou deixámos pessoas em situações espirituais difíceis, ou vários corações partidos para trás, e a nossa consciência (em algum nível) clama a pedir para resolver esses assuntos pendentes. E assim a consciência culpada pode vir a sabotar-nos nesta vida, para compensar algo do passado, seja uma doença, ou numa situação social, económica ou sentimental adversa, etc. E a depressão acompanha, como um indicativo da culpa, por vezes sem causas aparentes.


Se Gostou do que Leu, clique G+1

2 comentários:

  1. Olá!!!
    Bom-Dia:
    Gostei do que li,mas gostaria era de falar consigo.
    Por aqui ....................
    Bjnhos:
    Cecília Campos

    ResponderEliminar
  2. Boa Tarde Cecília, Agradeço desde já o seu contacto. Trabalho com muita honestidade e sigilo. Como sabe este é um local público, assim sendo agradeço que entre em contacto comigo, através do e-mail: silatarotemagias@gmail.com ou Tlm: 96 220 00 62 Bem Haja! Que Deus a acompanhe sempre, Sila

    ResponderEliminar

GOSTOU COMENTE!
NÃO GOSTOU, COMENTE NA MESMA!