quinta-feira, 4 de julho de 2013

Sila Tarot: Os Fundamentos do Xamanismo!

 
 
O Xamanismo é um caminho que só se pode conhecer verdadeiramente através da experiência porque as palavras limitam demasiado a sua definição.
 
O Xamanismo é a forma mais antiga na Terra de praticar a espiritualidade, tendo já sido descobertas provas que datam mais de 80000 anos.
 
Toda a espiritualidade actual deriva de alguma forma do xamanismo. Isto inclui as diversas terapias energéticas, as medicinas naturais, os rituais de limpeza e aumento vibracional, os métodos de adivinhação, etc.
 
Recentemente, o xamanismo tornou-se mais popular, visto o ser humano andar a regressar às suas origens para se elevar espiritualmente nesta período de grandes mudanças planetárias e evolutivas para o ser humano.
 
A base do xamanismo é o conhecimento dos elementos disponíveis na Terra (Fogo, Ar, Água e Terra) e as suas combinações. Existe um enorme respeito por tudo o que é Natureza, porque no xamanismo compreende-se que tudo está ligado e que tudo faz parte do ser humano.
 
Mesmo entre os seres humanos que praticam o xamanismo, existe um respeito mútuo e admiração humilde pela função de todos, sabendo que cada um desempenha um papel fundamental para o bem estar de todos.
 
 
 O que é um Xamã?
 
Este termo vem do povo Tungu, natural da Sibéria onde homens de cura, sábios e conhecedores das leis da natureza eram entitulados "Saman". Por norma, ninguém se entitula de xamã. É o próprio povo que, de forma respeitosa, chama as essas pessoas sábias de xamãs.
 
 Esses xamãs tem a capacidade de interagir com as energias da natureza para a cura e para a elevação do povo.
 
As suas ferramentas são geralmente as ervas (curativas, depurativas, alucinógenas) para trabalhar o equilíbrio da pessoa no seu todo (físico, emocional, mental e espiritual). Os xamãs utilizam ainda sons de instrumentos, cânticos, rituais, práticas de abstinência, jejuns, etc., para entrar em estados não comuns de consciência. Podem ainda utilizar a energia dos elementos da natureza (cristais, pedras, ervas, fogo, etc.).
 
 
 Religião ou Seita?
 
O Xamanismo não é uma religião nem uma seita, está apenas ligado intimamente ao religar da natureza do ser humano ao seu espírito e como tal pode ser considerado uma filosofia de vida, tornando os seus praticantes mais felizes, harmoniosos e saudáveis.
 
A grande regra básica do Xamanismo é seguir o caminho do coração, respeitando sempre a Criação e todos os seres vivos.
 
Todas as pessoas podem praticar o Xamanismo e o modo de vida Xamânico, a única diferença é que o xamã mergulha mais fundo nessas práticas e passa a sua vida a utilizar os seus conhecimentos em prol da Criação.
 
A luta do xamã é disciplinar o ego, trabalhar a intuição, pensar com o coração e descobrir a verdadeira intenção da vida, agindo sempre com a razão para pôr em prática essa intenção.
 
Se Gostou do que Leu, clique G+1

1 comentário:

  1. Gostei da simplicidade e da profundidade dos ensinamentos. Show! Quero mais. Valeu.

    ResponderEliminar

GOSTOU COMENTE!
NÃO GOSTOU, COMENTE NA MESMA!