domingo, 6 de novembro de 2016

Sila Tarot: Deve-se ou Não Perdoar uma Infidelidade?

Cada pessoa encara a traição de forma diferente. Há quem que não consiga perdoar e não volta a confiar. Outros (mesmo feridos) querem dar uma nova oportunidade ao companheiro e a si próprios. Mas nos casos em que o casal quer tentar superar a infidelidade, podem surgir dúvidas e conflitos no resgate da relação saudável.

É natural que leve algum tempo até que o casal se consiga recuperar da traição. Ambos podem sentir o desgaste emocional nessa fase de reconciliação. Quando o casal consegue “trabalhar” o lado emocional, pode ser benéfico para ambos e tornar a relação íntima e sincera. Durante certo período cada um irá avaliar se permanecerão juntos.

Após uma infidelidade a pessoa sente que perde o chão, fica confusa, questiona-se, começa a ficar mais desconfiada. Normalmente também fica com dúvidas sobre o que sente. O amor e a raiva misturam-se.

Às vezes é necessário reavaliar o que se deseja dessa relação, e ao que estão dispostos ou não. Para isso algumas pessoas precisam de se distanciar do parceiro (não necessariamente fisicamente, mas emocionalmente) para se perceberem e se reconhecerem sem o outro, e a partir de então entenderem o que realmente quer.

O auto-conhecimento é fundamental para que a pessoa consiga lidar com as suas mágoas e consiga responder-se se quer continuar na relação. Fazer uma lista (de prós e contras) pode ajudá-lo a pensar e a entender os seus sentimentos, que podem estar confusos.

  • Porque quero continuar com esta pessoa? O que ela significa para mim?
  • E se eu me separasse, como seria?
  • Quais são os “ganhos e perdas” em manter ou não, esta relação?


Também é importante compreender como estava a relação antes da descoberta da infidelidade:

  • Como estava o casal quando ocorreu a traição?
  • Existia algum tipo de distanciamento (emocional ou físico)? Mágoas não resolvidas?
  • Conseguiam conversar e lidar com as questões que envolviam o casal?
  • Existiam momentos para o casal namorar? O casal preocupava-se em se conquistarem mutuamente?

Pontos para pessoa traída reflectir:

  • O outro está realmente disposto a mudar e melhorar para que a relação funcione? E a que estarei “eu” estou disposto?
  • Estou disposto a tentar voltar a confiar nessa pessoa? Estou disposto a lidar com a traição, superar e construir novamente esta relação? Consigo voltar a este relacionamento sem questionar ou voltar constantemente ao passado?
  • Como eu e meu parceiro (a) podemos fazer isto juntos? O que é preciso mudar? Por onde devemos começar?

Naturalmente será um processo muito doloroso para ambos. Depende muito do casal, o que a cada um está disposto a perdoar e a modificar, por isso a conversa (assertiva) entre os dois é muito importante.


MARQUE AQUI A SUA CONSULTA: http://www.silatarot.pt/p/contactos.html

 Se Gostou do que Leu, clique  abaixo ( no site) G+1 ( = Gosto)

Sem comentários:

Enviar um comentário

GOSTOU COMENTE!
NÃO GOSTOU, COMENTE NA MESMA!