sexta-feira, 31 de agosto de 2012

Sila Tarot: Cristaloterapia






Desde há milénios que os cristais são utilizados para terapias e para o restabelecimento do equilíbrio.

Funcionam através da ressonância e da vibração.

È possível obter benefícios com cristais para complicações comuns, uma vez que se tratam de remédios eficazes para primeiros socorros, especialmente quando são elaborados a partir de essências de gemas.






Como os cristais agem no reequilíbrio do organismo?


É comprovado pela ciência que tudo no mundo e no universo é permeado por campos eletromagnéticos. Se observarmos a membrana de nossas células, veremos que elas são formadas por forças de atração entre seus componentes, criando uma película microscópica que é essa membrana, permeada por um campo eletromagnético que surge a partir dessas forças.
A partir da compreensão deste simples exemplo das nossas células, é possível entender como e porque os cristais podem reequilibrar nossas energias, ou seja, nossos campos eletromagnéticos.
Os cristais, assim como tudo o que existe, também são formados por essas forças eletromagnéticas, e por serem compostos minerais tem a propriedade de serem excelentes captadores e transmissores de energia, interferindo diretamente nos nossos campos energéticos.






E como as nossas emoções promovem desequilíbrios no organismo?


Os campos eletromagnéticos também são formados pelas nossas emoções e pensamentos. Quando pensamos em mexer um dedo enviamos um impulso elétrico para que o dedo se mexa. Esse impulso elétrico faz uma série de mudanças nas energias das células nervosas para que a informação de "mexer o dedo" seja executada. Este estímulo nervoso muda momentaneamente o campo eletromagnético, ou se preferir dizer "campo energético", gerado pelas células. Então, podemos entender de maneira simplificada que os pensamentos e emoções desequilibrados podem desequilibrar nossos campos energéticos.

Viu como é fácil entender, de maneira simplificada, o conceito de energia e campos energéticos?

Muitas vezes esse tipo de terapia, entre outras, são mal explicadas e acabam sendo compreendidas como algo exotérico, mágico e sobrenatural, mas na verdade tudo pode ser explicado pela física e mais profundamente explicado pela física quântica.
A cristaloterapia é uma terapia muito rica e complexa. Existem muitos cristais diferentes e sua classificação leva em conta uma variedade de fatores da sua formação. Assim, é feito uma leitura da formação de cada cristal, o que o leva a ter sua individualidade e suas propriedades específicas.

Alguns cristais contêm minerais conhecidos pelas suas propriedades terapêuticas. O cobre, por exemplo, reduz o inchaço e a inflamação. A Malaquite contém uma elevada concentração de cobre, que alivia as dores musculares e das articulações.
Os cristais são utilizados nas práticas médicas modernas. Os xamãs e os terapeutas de cristais dos tempos antigos já estavam familiarizados com a capacidade que os cristais têm de concentrar vibrações de som e de luz num feixe, que era em seguida utilizado na terapia.



Rodar uma varinha de cristal na pele provoca uma compressão que liberta um feixe concentrado no órgão que se encontra por baixo.







Os antigos terapeutas também sabiam que enquanto alguns cristais são fontes de energia ou calmantes, existem cristais que tanto têm um efeito sedativo num órgão hiperactivo, como estimulam um órgão inactivo, como por exemplo a Magnetite.
Há cristais que curam rapidamente, podendo provocar uma crise de cura, enquanto outros produzem os seus efeitos de uma forma bastante mais lenta.

Se quiser lidar com a dor – um sinal de que algo não está bem no seu corpo – pode fazê-lo com os cristais. A dor pode resultar de um excesso de energia, de um bloqueio ou de uma debilidade. Um cristal frio e calmo como o Lápis-lazúli ou o Quartzo Roséo tem um efeito calmante, enquanto a Cormalina tem um efeito estimulante, sendo o Quartzo Catedral excelente para o alivio da dor, independentemente da sua causa.

Os cristais são excelentes para lidar com dores de cabeça. O Lápis - Lazúli desvanecerá rapidamente uma enxaqueca. Mas é necessário saber de onde provém a dor de cabeça. Se for causada por stress, uma pedra de Ametista, Âmbar ou Turquesa colocada na sobrancelha aliviará a dor. Se estiver relacionada com comida, deve-se utilizar uma pedra apropriada, que acalme o estômago, tal como a Pedra da Lua ou a Citrina.


Veja abaixo alguns exemplos de cristais que pode usar levando no bolso, pendurado em colares, pulseiras, brincos, etc.



Crisocola

É um cristal de cores verde, azul e turquesa. Trabalha em nós a serenidade e favorece a meditação e comunicação, porque ela acalma, purifica e revigora todos os chakras. É muito indicada para tensão pré-menstrual, cólicas, espasmos musculares, artrite, doenças ósseas, problemas respiratórios, má digestão, ulceras e pressão alta.



Quartzo Rosa

É o cristal do amor incondicional e da paz infinita. Principal cristal para realinhar o chakra do coração, ensinando-nos a verdadeira essência do amor. Traz calma, sensação de paz, pureza, amor-próprio e amor para com o próximo.




Quartzo Verde
Assim como o quartzo rosa, é um cristal que trabalha o chakra do coração. Tem a propriedade de transmutar energia negativa acumulada nesse chakra, inspira a criatividade e equilibra o sistema endócrino.




Ágata
Possui uma variedade de cores. É um cristal de efeito purificador do corpo e emoções. Trabalha, principalmente, as questões emocionais que impedem a aceitação do amor.




Citrino
É um cristal de cores amarelo e marrom-amarelado, ou cinza e marrom-esfumaçado. É carregado pela energia solar, portanto traz calor. Promove revitalização, estimula a criatividade e o sistema de alerta de modo que possamos tomar providências para nos proteger de influências negativas.



Sila Tarot: Tai Chi Chuan - Meditação em Movimento



 
 

Ser Como O Rio que Flui!


" A verdade é como a água. Não pode ser impedida, não pode ser possuída, ela transforma-se e muda, fluindo por toda a parte." Este é o lugar por excelência da divulgação das Artes Marciais Chinesas dos seus princípios filosóficos e da sua prática.








Introdução



O
Tai Chi Chuan ou Tai ji Quan, é uma arte taoista, formada por sequências de movimentos lentos, suaves, delicados, contínuos, encadeados e circulares, baseados na observação de animais, por ex., e associados a uma respiração profunda, suave e ritmada, que propiciam ao praticante um estado de relaxamento e serenidade interior. Além de desenvolver o alongamento do corpo, activa a circulação do praticante, além de relaxar os músculos. Harmoniza, de um modo global, o equilíbrio físico, mental e emocional do homem, sendo assim um eficaz preventivo contra patologias provenientes do stress físico e mental.





 

Originário da China Antiga e criado como uma técnica de auto-defesa, pelos monges taoístas do século XII, tem como objectivo fundamental, harmonizar o homem com a natureza, mas a sua efetiva fonte de energia encontra-se totalmente no nosso interior. É muito indicado para os ocidentais. Ele pode dar aos que vivem no ritmo veloz das cidades urbanas, um factor de compensação para as suas vidas.

 
Muito além de ser uma Arte Marcial, é a arte de meditação em movimento, que propicia benefícios para a saúde e longevidade do corpo, da mente e proporciona clareza de espírito. Nasceu da necessidade do homem em se auto-conhecer e compreender os princípios que regem a natureza. É um sistema de filosofia e meditação que engloba os aspectos físicos e mentais do homem. O trabalho é realizado a nível energético e fundamentado nos conceitos e técnicas da alquimia interior taoísta.


Portanto o
Tai Chi Chuan é uma sequência de movimentos onde a mente, o corpo e o espírito se unem em perfeita harmonia. Busca a união da força com a suavidade.





 


Benefícios


Relaxa a mente, assim como o corpo. Auxilia a digestão, acalma o sistema nervoso, é benéfico para o coração e a circulação sanguínea, tornam flexíveis as articulações e rejuvenesce a pele.








Quem pode praticar Tai Chi?


O Tai Chi pode ser praticado por todas as pessoas, independentemente da sua idade ou condição física. Os movimentos que caracterizam o Tai Chi, são realizados de uma forma lenta e suave, no sentido de promover o relaxamento, ou de forma mais rápida e mais enérgica para manter se manter em forma, e para aplicações mais marciais. Como os seus movimentos flexíveis e circulares, não exigem esforço físico, pode ser praticado por pessoas de qualquer idade, inclusive, e principalmente, pessoas de terceira idade.

 




Os Princípios do Movimentos em Tai Chi Chuan


Os movimentos em Tai Chi Chuan, baseiam-se na coordenação da mente, do corpo interno e do corpo externo.


Mente


É essencial que a mente do praticante, esteja tranquila e concentrada. A atitude mental correcta para praticar é a quietude concentrada. Em Tai Chi o interior move o exterior.


Movimento Interior

  • Respiração: a respiração é a energia da vida. O praticante de Tai Chi regula a respiração em harmonia com o movimento do seu corpo para obter saúde.
  • Circulação do sangue: a respiração controla a circulação do sangue. O estudante de Tai Chi usa o movimento para ajudar o "chi", sua energia interior e a acelerar a circulação do sangue. A circulação e a energia impulsionam os membros de forma harmoniosa.  





    Movimento Exterior:

    • Suavidade: os movimentos devem ser suaves e regulares, executando-se as formas no mesmo ritmo.
    • Equilíbrio: cada forma exige equilíbrio. O praticante não se inclina nem para a frente, para trás, esquerda ou direita, a fim de sentir-se equilibrado, concentrado e confortável nas posturas.
    • Centralização: o tronco do corpo deve estar erecto e numa posição central. Nas costas, do cócix ao topo da cabeça, o topo do aluno deve manter-se em linha recta. O corpo está erecto, cada osso e órgão devem estar na sua posição correcta. O peso do corpo deve repousar no meio dos pés, nunca nos joelhos e nem nos calcanhares. Dessa maneira o praticamente pode apoiar todo o corpo sem se cansar.
    • Relaxamento: o relaxamento do corpo e da mente é crucial hoje em dia, devido ao ritmo de nossas cidades industriais. A capacidade de relaxar, quando desenvolvida, auxilia na prevenção de doenças.
    • Continuidade: no Tai Chi, cada forma é seguida, contínua e naturalmente, da forma anterior. A coordenação entre o corpo, mente e a respiração é essencial.


    História

    Quando procuramos as raízes to Tai Chi, como o conhecemos hoje, somos levados até á aldeia Chen, província de Henan, pois é aqui que existem registos escritos que provam que neste local nasceu a arte do Tai Chi. Até aos nossos dias, permanece a crença de que na origem do Tai Chi está Zhang San-Feng, um monge taoista que teria vivido na montanha de Wutang, durante a Dinastia Ming (1279-1644). Diz-se que da sua observação da luta entre a Cegonha e a Serpente, teria retirado alguns dos fundamentos do Tai Chi, ao verificar que os movimentos circulares, suaves e sinuosos da serpente impediam a ave de a apanhar e vencer. Chang enfatizou a harmonia do Yin/Yang como um meio de melhorar o desenvolvimento da mente e da habilidade física, a meditação natural, bem como, movimentos naturais do corpo propulsados por uma energia interna que deveria ser desenvolvida.






    Este sistema de práticas recebeu o nome de Tai Chi Chuan. Na época, o Tai Chi Chuan também foi criado com propósitos de combate, como uma arte marcial para o desenvolvimento externo e interno. Mas com o passar dos séculos esta função foi diminuindo, sendo colocada a ênfase nos propósitos relativos ao desenvolvimento da saúde. Tai Chi significa "o supremo". Isto significa melhorar e progredir em direcção ao ilimitado; significa a “existência imensa” e o “grande eterno”. Os mestres “verdadeiros” e dedicados permaneciam nas montanhas, e com os seus seguidores levavam uma vida monástica com o objectivo de manter a arte pura. Meditavam e praticavam diariamente para elevar o espírito, a condição da mente, disciplinar o corpo e elevar a essência. O sistema original foi preservado mais ou menos intacto, com as disciplinas da mente e do corpo sendo incluídas no treino. O esforço e a concentração, como firme propósito, eram requeridas para se atingir qualquer nível de evolução no Tai Chi.


    Os que atingiram os niveis mais elevados, tornaram-se líderes, formando com os seus seguidores um relacionamento de treino único entre mestre e discípulo. Esta tradição teve um importante papel na passagem do conhecimento e da sabedoria do Tai Chi para a sociedade, as suas características únicas permitiram uma divulgação que foi capaz de agradar a todas as classes sociais. Suportado pelas pessoas comuns e às vezes até pelos imperadores o “Templo” do estilo Tai Chi, adquiriu uma imagem forte e digna, traçando o caminho para que o Tai Chi se transformasse na Suprema Arte da Vida. Os Mestres de Tai Chi eram observados como símbolo da sabedoria.


    Os conhecimentos dos mestres na Arte da Vida e na Arte da Guerra, criaram figuras de respeito, eram vistos como pessoas que praticavam a justiça, a caridade e dedicavam-se à educação e às artes da medicina. Os seguidores do Tai Chi eram também conhecidos pela exigência moral a que pautava a sua prática e filosofia. Acreditavam que o povo deveria disciplinar-se para ser espiritual, saudável, bom e inteligente; ser responsável e auxiliar os outros para atingir graus maiores de desenvolvimento; amar a verdade; lutar ferozmente contra a imoralidade e a injustiça e proteger os necessitados e os fracos. Foi com estes objectivos em mente que o aspecto da arte marcial do Tai Chi se desenvolveu e foi enfatizado durante 800 anos, permanecendo intemporal até aos dias de hoje.

    quarta-feira, 29 de agosto de 2012

    Sila Tarot: Os Benefícios da Água e do Sal!





    Escalda-Pés:



    Numa bacia com água morna, colocar duas colheres de sopa de sal proporcionam sensação de leveza nos pés, pois ajudam a drenar o excesso de líquidos e reduzir o inchaço. Repetir esse escalda-pés três vezes por semana, também ajuda no combate a infecções causadas por fungos.








    Benefícios de banhos e escalda-pés com Sal Grosso:



    Fisiológico



    - Ajuda a desintoxicar o corpo e afastar os vírus;
    - Estimula a circulação natural para a melhoria da saúde;
    - Ajuda a aliviar o pé de atleta, calos, etc;
    - Relaxa a tensão, dores musculares e nas articulações;
    - Ajuda a aliviar artrite e reumatismo;
    - Ajuda a aliviar a dor lombar cronica.








    Benefícios Estéticos



    Tira as impurezas da pele;
    - Alivia irritações da pele como psoríase / eczema;
    - Alivia comichão, ardor e picadas;
    - Suaviza e amacia a pele;
    - Incentiva a renovação da pele;
    - Ajuda a curar as cicatrizes;
    - Restaura o equilíbrio e a humidade da pele.











    Ocupacional



    - Alivia o cansaço, os pés doridos e os músculos das pernas;
    - Alivia a tensão nas mãos e punhos;
    - Ajuda a aliviar lesões do desporto.










    Psico-físico



    - Proporciona um relaxamento profundo;
    - Ajuda a aliviar o stress e tensão.



    Dicas: Uma técnica muito boa para a dor é aquecer, em média, um punhado de sal grosso até uma temperatura suportável para o dorso da mão. Colocar o sal quente numa toalha, fazendo uma trouxa (o lençol é muito fino, pode queimar a pele) e colocar em cima de dores e inflamações. Só não é recomendado colocar na cabeça e na região do coração. Para casos de angústia, colocar nas costas, na altura do coração.

    segunda-feira, 27 de agosto de 2012

    Sila Tarot: O que é a terapia emocional? Para que Serve?





    A Terapia emocional é uma forma de ajudar as pessoas que estão em sofrimento e tumulto emocional, dado que em consequência disso as suas vidas não fluem normalmente. Seja o sofrimento emocional provocado por uma crise pontual, ou por um problema específico a longo prazo, ou mesmo causas desconhecidas. Quando surge uma infelicidade persistente, uma depressão, apatia ou dificuldades nos relacionamentos com os outros, é importante tentar perceber qual a origem dessa instabilidade que se reflecte na vida da pessoa. A Terapia emocional ajuda cada pessoa a desenvolver a sua própria inteligência emocional, tomando consciência de que a crença de que estar bem emocionalmente é a chave para uma vida feliz e saudável. O seu objectivo é ajudar as pessoas a uma integração positiva na sua totalidade de corpo, mente e espírito. Este tipo de terapia é acompanhada por um desenvolvimento pessoal, que ajuda a pessoa a equilibrar todas as áreas da sua vida, para que esta crie um dinamismo e entusiasmo interior para conseguir deixar de ter como foco e dar um ênfase tão elevado a questões do passado que ganham uma relevância e importância excessiva para o que é considerado saudável.
    Aprender a libertar a resistência á mudança é um dos passos fundamentais para fazer uma cura emocional.







    A terapia emocional ajuda a resolver questões profundas como:


    • Raiva
    • Stress
    • Ansiedade
    • Auto-mutilação
    • Depressão
    • Perda
    • Baixa auto-estima
    • Problemas de relacionamentos
    • Problemas de saúde não resolvidos Fisicamente
    • Sentir-se confuso, infeliz ou apenas emocional, em todos os momentos

    Muitas vezes não nos apercebemos como estas questões emocionais podem impedir um livre fluir da vida, o facto de sermos pessoas instáveis, ressentidas, rancorosas, infelizes pode interferir na influencia que causamos às pessoas que nos rodeiam e isso limitar a fluência de coisas, pessoas e acontecimentos positivos para a nossa vida.








    Como a terapia emocional ajuda?

     
    Na grande maioria das vezes, o maior problema é que a própria pessoa não sabe qual é o seu próprio problema e muito menos qual a sua origem. outras vezes tem uma ideia de qual a origem da sua instabilidade, no entanto não sabem orientar-se para a libertação das questões que trazem desequilíbrios emocionais e muitas vezes se reflectem no bem-estar físico. Acontece que muitas vezes podem sentir que estão a ser reprimidos e a repetir os mesmos erros do passado e a seguir padrões de comportamento que se tornam inúteis e desgastantes, no entanto não conseguem estabelecer metas e ter iniciativas de mudança. Há uma sede enorme de mudança na sua vida, mas não sabe como pode iniciar esse processo, nem o que é essencial e útil, nem o que é supérfluo e desnecessário.
    A terapia emocional pode ser feita pela própria pessoa através de auto-observação ou com a ajuda de um terapeuta especializado. No entanto a terapia é um método que ajuda o paciente a fazer a auto-observação e o caminho de libertação continua a ser uma tarefa do paciente. Nenhum terapeuta pode fazer o trabalho pelo seu próprio paciente. O terapeuta muitas vezes, tem a missão de ajudar o paciente a apurar a “sua visão” e “consciência” sobre si mesmo, ajudando-o a responsabilizar-se por tudo o que acontece na sua própria vida. Ajudando o paciente a entender que “não escolhemos o nosso passado” mas somos responsáveis pelo que fazemos com o nosso passado e com a vida que estamos a construir no presente.
    Há muitos métodos para nos ajudar a fazer uma auto-observação e a conseguir tomar a consciência dos padrões negativos, desde os livros de auto-ajuda, a terapias de ajuda emocional.






    Métodos de terapia emocional – Processo de mudança e cura interior

     
    Existem vários métodos de libertação emocional, no entanto os mais eficazes são aqueles que “obrigam” a pessoa a responsabilizar-se por si mesma e pela sua própria vida. Então cada pessoa terá de escolher o seu próprio método de acordo com a vontade que tem de ser responsável por si e pela sua vida. Se a pessoa achar que não consegue fazer essa responsabilização por si, pode recorrer a terapeutas de terapias como a psicologia, Hipnoterapia e outras terapias onde a pessoa é orientada por alguém que ajuda a construir um caminho. No entanto a via melhor é sempre aquela em que a pessoa se responsabiliza por si e não atribui a cura a ninguém, apenas a si mesma. E para quem acha que é responsável suficiente e quer fazer um processo de harmonização e escolher ser feliz pode optar por tirar cursos e ler, o que ajuda a obter um entendimento claro de quem somos e como funcionamos, ao mesmo tempo que nos ajudam a reestruturar interiormente e a criar novas realidades internas que se irão reflectir em toda a nossa vida.

    quinta-feira, 23 de agosto de 2012

    Sila Tarot: Relação entre as Doenças e as Emoções!






    Nos dias que decorrem ainda é um pouco estranho para muitas pessoas, aceitar que as doenças e as emoções podem de alguma forma estar ligadas. Aceitar que uma doença possa ser causada por distúrbios emocionais faz cada vez mais sentido e tem-se verificado que a mudança desses padrões emocionais, atenuam a doença e podem mesmo abolir a doença, se esses padrões emocionais desequilibrados deixarem de existir. É óbvio que as degenerações quando se instalam, podem ser depois de difícil retrocesso, no entanto são conhecidos casos de sucesso.

    Quando a boca cala…. o corpo fala!! AMAR pode CURAR!


    • O resfriado escorre quando o corpo não chora.
    • A dor de garganta entope quando não é possível comunicar as aflições.
    • O estômago arde quando as raivas não conseguem sair.
    • O diabetes invade quando a solidão dói.
    • O corpo engorda quando a insatisfação aperta.
    • A dor de cabeça deprime quando as duvidas aumentam.
    • O coração desiste quando o sentido da vida parece terminar.
    • A alergia aparece quando o perfeccionismo fica intolerável.
    • As unhas quebram quando as defesas ficam ameaçadas.
    • O peito aperta quando o orgulho escraviza.
    • A pressão sobe quando o medo aprisiona.
    • As neuroses paralisam quando a criança interna tiraniza.
    • A febre aumenta quando as defesas detonam as fronteiras da imunidade.






    As Doenças, as emoções e a genética

    É muito comum ouvirmos falar em doenças herdadas geneticamente, o certo é que quando estamos no ventre materno já estamos expostos aos padrões emocionais vividos no ambiente familiar. Estes padrões emocionais vão ser parte integrante também da educação da criança e mais tarde manifestar-se fisicamente se não forem transformados em potencialidades e sabedoria.

    Padrões emocionais e crenças negativas – causam doenças

    As mudanças de padrões emocionais passam pela mudança das crenças e padrões de pensamento que alimentamos desde que existimos. Através da mudança de pensamentos é possível curar doenças e emoções.
    Veja de seguida algumas doenças, assim como os padrões e crenças negativas que os sustentam e as respectivas afirmações positivas que devemos dizer, para mudar os padrões e crenças e assim libertar-nos das doenças e emoções negativas (O Poder das Afirmações Positivas)
    Acidentes – Rebelião contra autoridade. Crença em violência, raiva.
    Afirmação positiva - Paz e segurança. Eu amo e aceito tudo na vida como uma fonte de sabedoria.

    Acne - Não se aceitar; desamor por si.
    Afirmação positiva - Eu amo-me e aceito-me tal como sou. Eu sou maravilhoso e amado por todos (causas emocionais das doenças)

    Adenóides - Atritos familiares, discussões. Criança se sente mal querida.
    Afirmação positiva - A criança é querida e bem-vinda.

    Alcoolismo – Sentimentos de futilidade, inadequação, culpa e auto-rejeição.
    Afirmação positiva - Eu relaxo e liberto o passado. Eu tenho valor, amo-me e aceito-me tal como sou agora.

    Alergias – A quem é alérgico? Falso ego e sensibilidade.
    Afirmações positivas - Eu estou em Paz. O mundo é seguro e amigo.

    Amigdalite – Emoções reprimidas e medo; raiva reprimida.
    Afirmação positiva - Nada impede o bom em mim. Eu permito a liberdade de expressão, das idéias divinas, que fluem e ganham significado em mim.

    Anemia – Falta de prazer; desinteresse pela vida (causas emocionais das doenças)
    Afirmação positiva – O meu mundo é cheio de alegria e estou interessado em tudo.






    Apendicite – Medo da vida; bloqueio do fluxo das sensações.
    Afirmação positiva - Alegria; eu relaxo e deixo minhas sensações fluírem.

    Arteriosclerose – Resistência; tensão; abertura mental estreita.
    Eu estou completamente aberto para a vida e a alegria. A vida é boa.

    Artrite – Amargura, ressentimento, crítica, sentimentos de desamor.
    Afirmação positiva - Amor e perdão. Eu deixo os outros serem eles próprios. Eu sou livre.

    Asma – Super sensibilidade; amor sufocado; supressão do choro, sentimentos sufocados.
    Afirmação positiva - Eu sou livre. Eu me encarrego da minha própria vida. Eu posso expressar os meus sentimentos como eles são.

    Ataques, golpes, congestão – Rejeição da vida; auto-violência, resistência extrema (causas emocionais das doenças)
    Afirmação positiva - Eu aceito a vida passada, presente e futura. Vida e alegria.

    Bexiga (problemas) – Ansiedade; resistência contra novas idéias.
    Afirmação positiva - Eu abandono o passado, despreocupo-me em relação ao futuro. Eu aceito o que é novo, agora.

    Boca (problemas) – Incapacidade de engolir idéias; fixação de opiniões e mente fechada.
    Afirmação positiva - Eu dou as boas-vindas a idéias e conceitos novos.

    Bronquite – Ambiente familiar inflamado.
    Afirmação positiva - Paz. Ninguém consegue irritar-me.

    Bursite – Raiva reprimida, vontade de bater em alguém.
    Afirmação positiva - Eu relaxo a raiva de maneira para que ela não me cause mal. O amor relaxa.

    Câimbras – Tensão; segurar-se; oprimir-se.
    Afirmação positiva - Eu relaxo e deixo a vida fluir.

    Cancro – Profundos segredos ou aflições corroendo o Eu; retenção longa dos ressentimentos; ferimentos profundos.
    Afirmação positiva - Não existem segredos. Eu deixo que o passado se vá. Meu presente é preenchido com alegria.

    Catarata – Futuro pouco claro; inabilidade de ver á frente (causas emocionais das doenças)
    Afirmação positiva - Eu sou livre. A vida é eterna e cheia de alegria.

    Ciática – Medo do dinheiro e do futuro.
    Afirmação positiva - Eu me movimento no melhor de tudo. O bem está em todos os locais e eu estou seguro.

    Comichão – Desejos insatisfeitos, remorsos; punição e culpa.
    Afirmação positiva - Tudo que eu precisar estará sempre aqui. Eu aceito tudo de bom sem sentimentos culposos.

    Colesterol – Entupimento dos canais do prazer; medo de aceitar o prazer.
    Afirmação positiva - O prazer é normal. Os meus canais estão largamente abertos. Eu amo a vida.

    Colite – Pais super-excitados; opressão, menosprezo; necessidade de afecto.
    Afirmação positiva - Eu sou livre-pensador. Eu estou em paz na minha mente.

    Contensão (esgotamento) – Pequenos impactos da vida.
    Afirmação positiva - Não existe razão para eu bater na vida. Eu ajo com amor.








    Coração – Problemas emocionais sérios longamente suportados; falta do prazer, rejeição da vida. Crença nas pressões e no esforço.
    Afirmação positiva - Alegria, alegria, alegria, amor e paz. Eu prazerosamente aceito tudo na vida.

    Corcunda – Raiva atrás de si, ressentimento conservado (causas emocionais das doenças)
    Afirmação positiva - Eu vejo o passado com alegria. Ninguém jamais me fez mal.

    Crescimento – Nutrir ferimentos emocionais, falso de senso de valores e orgulho.
    Afirmação positiva - Perdão. Eu amo-me a mim mesmo. Não irei fazer-me mal.

    Dedos – Super exagerar os detalhes da vida.
    Afirmação positiva - Eu relaxo conscientemente de que a sabedoria da vida cuida dos detalhes.

    “Defeitos” de nascença – Necessidade de reencarnação; pediu para vir assim.
    Não se sinta culpado. Você e os seus pais, têm algo a aprender.

    Dentes – Sustentar longas indecisões; incapacidade de derrubar idéias por análise ou decisão.
    Afirmação positiva - Eu faço minhas decisões baseado nos princípios da verdade e fico seguro com o resultado.

    Deslocamento de disco
    Indecisão; não se sentir emocionalmente amparado pelos outros (causas emocionais das doenças)
    Afirmação positiva - Eu sou corajoso e independente. Eu sou amparado pela vida.

    Desmaios – Medo; não poder conviver ou enfrentar; apagar-se de tudo.
    Afirmação positiva - Eu tenho poder, força e conhecimento para lidar com tudo na vida.

    Diabetes – Profundo sentimento de mágoa; falta de açúcar na vida.
    Afirmação positiva - Eu permito que a vida seja agradável. Eu deixo o passado ser apenas passado. Eu aceito que o prazer e a alegria sejam as bases da minha vida.

    Doenças venéreas – Culpa sexual; crença de que os órgãos genitais são pecaminosos e sujos; necessidade de punição.
    Afirmação positiva - Eu amorosa e prazerosamente aceito a minha sexualidade e sua expressão. Não há culpa nem punição.

    Dor – Congestão, bloqueio; crença em barreiras; punição, culpa.
    Afirmação positiva - Eu descanso a minha necessidade de punição. Eu deixo a vida fluir.








    Dor de Cabeça – Tensão, revolta, contrariedades emocionais. Sentimentos feridos.
    Afirmação positiva - Paz, amor, alegria, relaxamento. No meu mundo tudo está bem.

    Dor de ouvidos – Causa emocional da doença – Raiva; não querer ouvir (causas emocionais das doenças)
    Afirmação positiva - Eu ouço com amor e prazer. Sempre ouço o bom de tudo.

    Edema – Super sensibilidade, individualidade machucada. Personalidade ferida.
    Afirmação positiva - Eu sou seguro, ninguém ameaça a minha individualidade.

    Enjoar no carro – Medo-dependência, sentimento de ser encurralado em armadilhas.
    Eu ando facilmente no tempo e espaço. Não existe o medo.

    Enjoar no mar – Medo; medo da morte.
    Afirmação positiva - A vida continua. Não existe a morte. Somente mudanças.

    Enlouquecer – Reter amor e consideração (causas emocionais das doenças)
    Afirmação positiva - Eu respondo à vida, reparto meus sentimentos e meu amor. Eu sinto… eu amo…

    Envelhecer – Crença social; velhos pensamentos.
    Afirmação positiva - Eu me amo e me aceito em todas as idades; cada idade é perfeita. Eu sou espírito. Eu sou eterno.

    Enxaqueca – Resistência ao fluir da vida; medos sexuais. Desperdícios emocionais.
    Afirmação positiva - Eu descanso no fluxo da vida. Deixo-a fluir através de mim.

    Epilepsia – Rejeição da vida; sensação de perseguição; violência contra si.
    Afirmação positiva - Eu amo a mim mesmo e a toda a vida. A vida é uma eterna alegria.

    Esclerose múltipla – Dureza mental, coração endurecido, inflexibilidade.
    Afirmação positiva - Eu não tento-me controlar. Eu solto-me com alegria na vida.

    Borbulhas – Crença na feiúra, culpa, ódio de si (causas emocionais das doenças)
    Afirmação positiva - Eu não propago pensamentos feios. Eu amo todo o meu corpo. Não há culpa.

    Estomago (problemas) – Incapacidade de assimilar idéias. Medo de novas idéias.
    Afirmação positiva - Eu assimilo novas idéias facilmente. A vida concorda comigo.

    Excesso de peso – Insegurança; auto-rejeição; procura de amor. Medo de perda, sufocar sentimentos.
    Afirmação positiva - Eu aceito-me e amo-me tal como sou. Eu sou sempre seguro no caminho espiritual.

    Face (doenças) – Representa individualidade, reconhecimento (causas emocionais das doenças)
    Afirmação positiva - Reconheço os meus verdadeiros valores, a minha individualidade.

    Fadiga – Resistência, aborrecimento; falta de amor pelo que faz.
    Afirmação positiva - Estou entusiasmado com a vida. Cheio de Energia.









    Febre – raiva.
    Afirmação positiva - Eu sou calmo, exprimo amor e paz.

    Febre dos Fenos – Congestão emocional; confusão nas crenças; medo do moralismo.
    Afirmação positiva - Eu nego qualquer moralismo. Eu sou uno em tudo na vida.

    Gagueira – Insegurança; falta de auto-expressão (causas emocionais das doenças)
    Afirmação positiva - Eu permito-me falar por mim e comunico-me com amor.

    Garganta – Repressão de raiva; ferimentos emocionais engolidos.
    Afirmação positiva - Eu expresso-me com alegria e ninguém me pode magoar.

    Gastrite (gases) – Reter idéias indigestas; sufocar o ar por medo.
    Afirmação positiva - Eu deixo a vida fluir através de mim.

    Gengivas (problemas) – Inabilidade de levar avante as decisões depois de serem tomadas.
    Afirmação positiva - Eu sou uma pessoa decidida. Eu deixo-me ir pela vida.

    Glândulas (problemas) – Desequilíbrio; falta de ordem; distribuição insuficiente.
    Afirmação positiva - Eu estou em equilíbrio total. Os meus sistemas estão em ordem.

    Glaucoma – Pressão emocional por sustentar sentimentos feridos por longo tempo .
    Afirmação positiva - Ninguém me pode jamais ferir. Eu vejo com amor e ternura.

    Gota – Impaciência, raiva, dominação.
    Afirmação positiva - Eu deixo o ego e sentimentos de superioridade irem-se. Deixo .
    os outros serem o que são.

    Gripe – Respostas a negatividade e crença geral; medo, crença em estatísticas.
    Afirmações positivas -Eu não sou governado pelas crenças de grupos ou preconceitos.
    Eu sou livre de todas influências.

    Hemorróidas – Carga, pressão, tensão, medo de deixar acontecer.
    Afirmação positiva - Eu descanso todo o peso e as cargas. Eu vivo na alegria do presente.

    Hepatite – Medo, raiva, ser odiado. O fígado é o local da raiva e emoções primitivas.
    Afirmação positiva - Eu deixo ir agora, tudo o que não preciso, a minha consciência esta limpa, cheia de vida.

    Hérnia – Carga, resistência mental, auto-punição; raiva; expressões criativas incorrectas.
    Afirmação positiva – A minha vida é calma e harmoniosa. Eu amo-me com ternura.

    Herpes – Prolongada suspensão nervosa (causas emocionais das doenças)
    Afirmação positiva – Descanso agora tranquilamente de todos os meus pensamentos e de todas actividades que exercem pressão sobre mim. A paz está em mim.

    Hipoglicemia – Desequilíbrio no sistema.
    Afirmação positiva - A aceitação do prazer equilibra o meu sistema.

    Impotência – Pressão sexual, tensão, culpa; crenças sociais; rancor contra um antigo parceiro.
    Afirmação positiva - Eu permito que todo o poder dos meus princípios sexuais opere com facilidade e prazer.

    Inchaços (verrugas) - Auto-rejeição, medo, falta de amor.
    Afirmação positiva - Eu só adiciono amor em mim. Nada terá mais poder em mim.

    Indigestão – Medo, ansiedade, pavor.
    Afirmação positiva - Eu recebo o novo e assimilo.

    Infecções – Irritação, raiva, chatices.
    Afirmação positiva - Nada tem o poder de me irritar. Eu sou pacífico e harmonioso.

    Insanidade – Escape, recolhimento; violenta separação da vida.
    Ressentimentos familiares.
    Afirmação positiva – A minha mente sabe sua verdadeira identidade e eu sou um ponto criativo da expressão divina.

    Insónia - Tensão, culpa, medo.
    Afirmação positiva - Eu descanso do dia e mergulho num sono perfeito, pacífico.

    Laringite – Medo de verbalizar opiniões; raiva. Ressentimento da autoridade.
    Afirmação positiva - Eu posso falar por mim. Eu me expresso livremente.

    Mãos – A habilidade de segurar e deixar as idéias escaparem; medo de novas idéias
    Afirmação positiva - Eu lido com todas as idéias com amor e facilidade.

    Mau hálito – Atitudes podres, pensamentos estúpidos.
    Afirmação positiva - Eu falo com amor. Eu expiro o que é bom.

    Menopausa (problemas) - Medo de não ser mais querido, auto-rejeição. Modo de envelhecimento.
    Afirmação positiva - Eu sou equilibrado em todos os ciclos da mudança, abençoo o meu corpo com amor.

    Nervos e nervosismo – Comunicação, luta, pressa; medo, ansiedade. Pensamentos confusos.
    Afirmações positivas - Eu estou na interminável jornada pela eternidade. Que a paz.
    esteja conosco. Não existe nenhum lugar para o qual devamos ter pressa.

    Olhos (problemas) – Não gostar do que vê na sua vida. Medo do futuro; não ver a verdade.
    Afirmações positivas - Eu vejo com olhos amorosos, eu vejo, a verdade, eu vejo claramente.

    Ombros – Suportar carga, excesso de carga.
    Afirmação positiva - A vida é alegria e liberdade; tudo o que aceito é bom.

    Ossos (problemas) – Revolta contra a autoridade (os ossos são a estrutura do universo).
    Afirmação positiva - Eu estou em paz com a autoridade. Em meu mundo, sou minha própria autoridade.

    Paralisia – Medo, escape, resistência, choque.
    Afirmação positiva - Eu sou uno com a vida. Eu bendigo as minhas experiências.

    Pele (problemas) – Sentir-se ameaçado na individualidade; falta de segurança, impaciência; modo de chamar a atenção.
    Afirmações positivas - Eu aceito a minha individualidade. Eu sou emocionalmente seguro.
    Eu ganho atenção de maneira positiva.









    Pernas (problemas) – Medo do futuro (as pernas carregam-no para a frente).
    Afirmação positiva - Eu movo-me com confiança e alegria.

    Pés (problemas) – Medo do futuro
    Afirmações positivas - Eu paro na verdade. Vou adiante com prazer. Tenho compreensão espiritual.

    Pescoço (problemas) – Inflexibilidade, recusa em ver outros lados da questão; teimosia.
    Afirmação positiva - Eu sou flexível. Aceito outros pontos de vista.

    Pneumonia – Desespero; cansaço da vida, preocupações emocionais; distúrbios internos.
    Afirmação positiva - Eu recebo livremente idéias divinas, impregnadas com o hálito da vida.

    Pressão sanguínea
    ALTA: manter por longo tempo problemas insolúveis; BAIXA: depressão, mágoa, derrotismo, raiva.
    ALTA: eu sou alegria e deixo o passado dissolver-se. BAIXA: eu vivo com mais alegria agora; a vida é alegria.

    Prisão de ventre (intestinos) – Recusa de relaxar sobre velhas idéias; mesquinhez.
    Afirmação positiva - Eu relaxo o passado, generosamente permito que a vida flua através de mim.

    Próstata (problemas) – Desistência, derrotismo sensualidade excessiva com sentimento de culpa; crença na velhice
    Afirmação positiva - Eu aceito a minha masculinidade; eu sou eternamente poderoso. Sexo é prazer.

    Psoríase (pele) – Insegurança emocional.
    Afirmação positiva - Eu sou pacífico e seguro. Eu estou em paz com tudo na vida.

    Pulmões – Medo de receber e dar-se à vida.
    Afirmação positiva - A respiração flui através de mim.

    Ancas (problemas) – Medo de ir avante em decisões importantes.
    Afirmação positiva - Sigo com alegria, amparado e sustentado pelo poder da vida.

    Queimaduras – Raiva;
    Afirmação positiva - As pessoas não tem poder contra mim. Eu tenho paz no meu ambiente.

    Quisto – Crescimento falso; fomentação de choques e máguas emocionais.
    Afirmação positiva - Eu dissolvo velhas raivas. Nada pode ferir-me.

    Raquitismo – Desequilíbrio emocional; falta de amor e segurança.
    Afirmação positiva - Eu sou seguro e nutrido pelo amor do Universo.

    Resfriados - Confusão, desordem; família e crenças estereotipadas.
    Afirmação positiva - Eu sou livre-pensador; estou em paz com minha mente.

    Retenção (líquidos) – O que é que tem medo de perder?
    Afirmação positiva - Eu descanso com alegria e espontaneidade.

    Reumatismo – Falta de amor; ressentimento; amargura cronica; vingança.
    Afirmação positiva - Eu tenho compaixão com os outros e comigo. Eu aceito os sentimentos prazerosamente.

    Rins (problemas) - Crítica, sensibilidade, desapontamento.
    Afirmações positivas -Eu vejo somente o bom em tudo. Ações correctas a serem tomadas. Eu estou realizado.

    Roer unhas - Separação dos pais, pedaço de si que se recalca.
    Afirmação positiva - Eu sou um indivíduo criativo. Aceito, sou seguro da minha maturidade.

    Sangue (problemas) - Falta de alegria; faltas de circulação das idéias; pensamentos estagnados.
    Afirmação positiva - Alegria. Com alegria as novas ideias circulam livremente.

    Sinusite - Presença de pessoas que o irritam.
    Afirmação positiva - Ninguém tem o poder de me irritar a menos que eu permita. Paz e harmonia.

    Surdez - O que não quer ouvir? Rejeição, teimosia, isolamento.
    Afirmação positiva - Eu escuto Deus. Eu escuto o prazer e a vida, sou parte dela.

    Tórax (Quisto) - Super dimensão de atitudes e propósitos na vida. Super proteção.
    Afirmação positiva - Eu sou livre e permito liberdade a todos.

    Tosse - Nervosismo, amolação, crítica.
    Afirmação positiva – Eu expresso-me pacificamente e falo com amor.

    Tuberculose - Egoísmo; possessão; crueldade.
    Afirmação positiva - Eu não me sufoco na vida. Os meus pensamentos desenvolvem óptimas ideias. Todos os momentos da vida são cheios de sentido.

    Tumor - Crescimento falso; ferimentos e choques emocionais.
    Afirmação positiva - Descanso e perdão. O amor dissolve ferimentos.

    Tumor no cérebro - Crenças incorrectas compactadas; teimosia; recusa em mudar os velhos padrões.
    Afirmação positiva - Tudo na vida é mudança. Os meus padrões são sempre novos.

    Úlceras - Algo se corrói em si; ansiedade, medo, tensão. Crença em pressões.
    Afirmação positiva - Nada pode irritar-me; sou pacífico, calmo e feliz.

    Urinar na cama - Medo dos pais (normalmente do pai).
    Amor, compreensão e compaixão.

    Urticária - Pequenos medos escondidos; exagero de pequenos problemas.
    Afirmação positiva - Eu estou em paz com as pequenas coisas da vida.

    Vaginite - Culpa sexual; sentimento de perda de alguém ou algo amado.
    Afirmação positiva - As formas e as vias podem mudar. O amor nunca se perde. Todas as partes do meu corpo são bonitas.

    Varizes - Negatividade, resistência; remoer emoções; manter um trabalho que detesta; circulação entravada, atulhada de idéias; desencorajamento.
    Afirmação positiva - Eu movimento-me e vivo com prazer. Eu amo a vida e circulo livremente.

    Vesícula (pedras na) - Amargura; pensamentos dolorosos, para os quais não encontra formas de evitar.
    Afirmação positiva - Jubilosamente deixo o passado ir-se. A vida é boa. Eu sou bom.








    Cada vez há mais abertura quando acreditar que por trás de uma doença ou de um acidente, existe sempre um pensamento ou crença negativa alimentada pela pessoa. Todos nós criamos uma realidade no nosso mundo mental, que se materializa no nosso corpo ou na nossa realidade concreta. As doenças e as emoções fazem parte dessa manifestação concreta, materializada por pensamentos, crenças e padrões de comportamento que podem ser alterados por uma auto responsabilização diária sobre a forma como vemos e sentimos a vida e a forma como a vivemos.