terça-feira, 29 de abril de 2014

Sila Tarot: Rituais para Proteger a sua Casa!

 
Das crenças populares milenares, nasceram os rituais de defesa energética. Inspire-se nestas receitas e mantenha sua casa livre de energias negativas.
 
  • Colocar a planta espada-de-são-jorge na porta de casa afasta o mau-olhado.
 
  • Um punhado de sal grosso em cada divisão da casa, impede as energias negativas de entrar.
 
  • Rezar um pai-nosso com muita fé desintegra todo o mal que vem de fora.
 
Os poderes da defesa energética, podem ser criados com ervas, pedras, cristais, defumações e uma reza bem feita. O lar é nosso abrigo, o lugar de comunhão familiar, descanso e meditação. Tão importante como a sua saúde física é a que rege o universo das energias. As discussões, as preocupações, os pensamentos negativos e as coisas más que trazemos da rua podem desestabilizá-lo.
 
Para fazer uma boa limpeza e garantir proteção espiritual faça as seguintes simpatias:
 
Ritual 1
 
Materiais:
 
- Quatro cristais de quartzo branco ou quatro pedras de turmalina negra
- Quatro pequenos imans
 
Como fazer
 
Coloque em cada uma das extremidades da casa – junto à parede da entrada e à parede oposta mais distante – dois imans com dois quartzos brancos, ou as duas turmalinas negras. Na parede da porta principal, faça cruzes no ar ou qualquer outro desenho (como um coração) que simbolize proteção para si. Visualize uma redoma de energia dourada a formar-se dos cristais ou das pedras até abranger a casa toda. Diga mentalmente ou em voz alta: “A minha casa está segura e protegida de toda e qualquer energia contrária ao bem. Que seja cortado qualquer perigo e quaisquer intenções de inimigos físicos e espirituais”. Uma vez por mês, lave os cristais ou as pedras e reative o campo de proteção. 

 
═════════════ ღƸ̵̡Ӝ̵̨̄Ʒღೋ═════════════════════ღƸ̵̡Ӝ̵̨̄Ʒღ═════════════

 
Ritual 2
 
Materiais:
 
• 1 Cristal de quartzo branco
• 1 molho de arruda
• Tigela com água
• Perfume
 
Como fazer
 
Numa tigela com água, derrame algumas gotas do perfume da sua preferência e, depois, deposite o cristal. Com as mãos sobre o recipiente, coloque a sua energia, invocando proteção para a casa. Em seguida, pegue no maço de arruda, molhe-o no líquido e vá abençoando todo o lar, dizendo: “Há uma só presença aqui e é a presença do amor. Pelo amor eu vivo e me movo. Tudo e todos que não estiverem pelo amor, não ultrapassarão esta porta”. Quando terminar, deite fora a arruda e a restante água na frente da sua casa ou, se morar em apartamento, no ralo. Ponha o cristal na terra ou num vaso próximo da porta de entrada.
 
 ═════════════ ღƸ̵̡Ӝ̵̨̄Ʒღೋ═════════════════════ღƸ̵̡Ӝ̵̨̄Ʒღ═════════════

Ritual 3
 
Materiais:
 
• um copo de vidro novo, cheio de água
• um pedaço de carvão virgem
 
Como fazer
 
Insira o carvão dentro do copo com água e coloque-o atrás da porta de entrada. Faça uma mentalização para que todas as energias negativas sejam sugadas pelo carvão. Troque esta proteção a cada três meses ou antes, se o carvão submergir. A água deve ser jogada no mar, num rio ou ralo, e o carvão, no lixo. O mesmo copo pode ser usado para um novo ritual.
 
 ═════════════ ღƸ̵̡Ӝ̵̨̄Ʒღೋ═════════════════════ღƸ̵̡Ӝ̵̨̄Ʒღ═════════════

 
Ritual 4
 
Materiais:
 
• fósforos
• carvão vegetal
• um pires
• folhas secas de arruda e alfazema
 
Como fazer
 
Esta prática deve ser feita pelo menos uma vez por mês, sempre ao entardecer. Inicie fechando todas as portas e janelas. Depois, vá para a divisão da casa mais distante da porta de entrada. Posicione-se no centro do ambiente e acenda o carvão vegetal no pires. Sobre ele, adicione as folhas secas de arruda e alfazema para defumar o local. Quando estiver bem esfumaçado, passe para as divisões seguintes, mantendo-se sempre na área central. No total, a defumação deve durar cerca de 30 minutos. Quando terminar, deite fora todo o carvão queimado, as ervas e o pires no lixo e coloque-o imediatamente para fora de casa.
 
 ═════════════ ღƸ̵̡Ӝ̵̨̄Ʒღೋ═════════════════════ღƸ̵̡Ӝ̵̨̄Ʒღ═════════════
 
Ritual 5 (continuação do 4)
 
Materiais:
 
• spray de óleo essencial de arruda e erva-santa (lemongrass)
 
Como fazer
 
Borrife o óleo essencial de arruda e a erva-santa nos cantos de todas as divisões. Enquanto isso, faça a seguinte reza: “Senhor que estais no céu. Todo-poderoso que ama o Sol, a Lua e as águas da natureza, fazei com que hoje à tarde, quando o Sol se ausentar no Ocidente, que ele leve de minha casa todas as más influências, trazendo para o dia de amanhã, ao raiar do Sol, todas as virtudes e felicidades para minha família e para o meu lar. Peço também toda a Sua proteção espiritual. Que assim seja. Amém”.
 
 ═════════════ ღƸ̵̡Ӝ̵̨̄Ʒღೋ═════════════════════ღƸ̵̡Ӝ̵̨̄Ʒღ═════════════
 
Ritual 6
 
Materiais:
 
• velas coloridas ou brancas, em qualquer formato
 
Como fazer
 
Escolha um ambiente da casa. De pé ou sentado, reflita sobre a proteção que deseja para o seu lar, invocando paz, amor e fé e pedindo que a energia divina esteja sempre ali, consigo e com a sua família. Mantenha-se concentrado e acenda velas ao seu redor, espaçadas entre uma e outra. Irá formar-se uma mandala, consigo no centro. Pode optar por ficar ali até as velas queimarem totalmente ou apagá-las no fim da meditação. Pode ainda acendê-las novamente num outro momento ou não, retirando-as do lugar onde a mandala foi feita.
 
 ═════════════ ღƸ̵̡Ӝ̵̨̄Ʒღೋ═════════════════════ღƸ̵̡Ӝ̵̨̄Ʒღ═════════════
 
Ritual 7
 
Materiais:
 
• sino (de preferência, o tibetano)
 
Como fazer
 
Comece pela porta de entrada e em sentido horário, percorra todos os ambientes, batendo o sino e pedindo ao universo luz, bênçãos, proteção, alegria e tudo o que deseja para si próprio e para seu lar.
 
═════════════ ღƸ̵̡Ӝ̵̨̄Ʒღೋ═════════════════════ღƸ̵̡Ӝ̵̨̄Ʒღ═════════════

 
Ritual 8
 
Materiais:
 
• sete cabeças de alho roxo
• figa de arruda
• figa de guiné
• estrela de davi
• um pedaço de cipó-azougue
• saquinho de tecido branco ou verde
 
Como fazer
 
Insira todos os elementos no saquinho e costure-o. Feche os olhos, silencie a mente e entre em contacto com o seu eu divino. Coloque as mãos sobre o seu amuleto, invocando a Deus as suas bênçãos de proteção para o lar e para toda a família. Depois, pendure-o na porta de entrada ou no lugar mais próximo dela, mas tem de ser dentro de casa.
 
 ═════════════ ღƸ̵̡Ӝ̵̨̄Ʒღೋ═════════════════════ღƸ̵̡Ӝ̵̨̄Ʒღ═════════════
 
Ritual 9
 
Materiais:
 
• Tigela de barro
• uma folha de comigo-ninguém-pode
• uma folha de pinhão roxo
• punhado de sal grosso
• uma cabeça de alho roxo
• pimentas-malaguetas
 
Como fazer
 
No fundo do recipiente, disponha as folhas de comigo-ninguém-pode e de pinhão roxo em forma de cruz. Sobre elas, acrescente o sal grosso até o topo da tigela. exactamente no meio, enterre a cabeça de alho roxo e á volta, finque as pimentas-malaguetas. Faça o seu pedido com fé e coloque a proteção no local dentro de casa, que desejar.
 
═════════════ ღƸ̵̡Ӝ̵̨̄Ʒღೋ═════════════════════ღƸ̵̡Ӝ̵̨̄Ʒღ═════════════

Ritual 10
 
Materiais:
 
• balde, ou bacia com água
• sal
Folhas* de:
• maria-sem-vergonha
• caruru, ou bredo
(sem espinho)
• alfavaca, ou manjericão
• guiné
• costela de adão
• serralha
• pau-d’água
 
Como fazer
 
Lave todas as folhas e coloque-as numa bacia, ou num balde, com um litro de água. Acrescente uma colher de chá de sal. Macere as plantas, esfregando-as com as mãos. Depois, retire-as dali, deixando no recipiente somente o líquido. As folhas devem ser jogadas na natureza, como num jardim, ou no mato. Mergulhe um pano nessa água e limpe com ele móveis, janelas, portas e o chão. Concentre-se nessa tarefa acreditando, de coração, que todas as energias negativas estão a ser retiradas do seu lar e que boas energias estão a entrar para proteger a sua casa.
 
 
 
Se Gostou do que Leu, clique G+1(= Gosto)

sexta-feira, 25 de abril de 2014

Sila Tarot: 10 Formas de Ganhar Dinheiro Extra!

 
Estamos ou não estamos sempre à procura de formas de esticar o salário e poupar para comprar aquele vestido fantástico, para acabar de pagar a prestação do carro, para aumentar a nossa conta poupança ou para poder finalmente fazer aquelas férias? Por vezes, e por mais que trabalhamos no dia-a-dia, uma fonte de rendimento extra vinha mesmo a calhar. Descubra os seus talentos escondidos e ponha as mãos literalmente na massa.

Cozinhar Euros. Se tem uma relação de amor com a sua cozinha e um jeito inato para fazer bolos deliciosos e enfeitados qual obra de arte de açúcar, porque não comercializá-los? Crie um blogue para o efeito, onde vai divulgando o seu doce portfolio e a partir do qual os interessados possam efectuar as suas encomendas. Será apenas uma questão de tempo até que os seus bolos artísticos andem na boca de todo o mundo… e a contribuir para uma carteira mais recheada.

Bela bijutaria. Há anos que confecciona os seus próprios brincos, pulseiras e colares, tendo nesse processo criativo o seu momento zen? Porque não transformar o agradável no útil e passar a comercializar Bijuteria original? Um dos melhores meios de divulgação é, sem dúvida, através de um blogue ou site e, embora existam milhares de "lojas" na Internet a competir por um lugar no porta-jóias das mulheres, só tem de se destacar. Deixe que a imaginação a oriente.

Estilista em part-time. Hoje em dia, aquilo que qualquer fashionista mais procura são designs trendy e exclusivos que serão a inveja de todas as suas amigas, por isso, se tem jeito para o corte e a costura (sim, aquela com linhas e agulhas!) dedique-se àquelas peças que sabe realmente confeccionar como mais ninguém. Podem ser camisolas em lã, vestidos de Verão ou cachecóis originais, o importante é que os dê a conhecer – numa loja do seu bairro, no Artemix ou através de um site/blogue para o efeito.

Ilustrar o mundo. Perder-se no meio de lápis de cor e folhas de papel branco, criando personagens fantásticas ou pintando quadros abstractos verdadeiramente inspiradores, pode ser um passatempo muito lucrativo. Se tem um estilo artístico inovador para partilhar com o mundo, o mundo vai querer tê-lo nas mãos. Um ilustrador ou pintor freelancer pode vender as suas obras de várias formas – colaborando com autores de livros, revistas, sites, através de exposições ou uma simples loja online para quem quiser comprar e emoldurar as suas imagens criativas.

Outras artes e trabalhos manuais. O mesmo se raciocínio aplica a outros tipos de trabalhos manuais – desde esculturas e miniaturas, passando pela découpage e vitrais. Comece por fazer uma mini-exposição em casa, convidando familiares, amigos e amigos dos amigos para um lanche e para conhecer o seu trabalho – o resto será passa a palavra. Colocar peças suas à venda em espaços adequados, no café ou restaurante de um amigo, enquanto servem simultaneamente de exposição/decoração pode ser outra boa oportunidade de negócio.
Conhecimentos e explicações. É uma expert em português, biologia ou matemática? Há quem não seja e recorra anualmente a explicações para facilitar os trabalhos escolares e melhorar o processo de aprendizagem no que toca a matérias difíceis. Fale com familiares, amigos, colegas de trabalho, o pessoal do seu prédio ou coloque alguns flyers no café que frequenta e verá que rapidamente reunirá um grupo de alunos que precisam de toda a ajuda que conseguirem. Necessita apenas de um final de tarde por semana, uma mesa de trabalho e algumas cadeiras… o resto vai directamente para a conta.

Escrita e traduções valiosas. Nasceu para escrever e falar vários idiomas, mas raramente tem oportunidade de praticar o inglês que aperfeiçoou depois de anos a viver no estrangeiro ou do espanhol que é, desde muito cedo, praticamente uma segunda língua? O mercado das traduções e redação é vasto e tem sempre lugar para mais um bom redator ou tradutor, por isso, vale a pena investir nalguma pesquisa, infiltrar-se no meio e começar a ver o retorno, com apenas alguns trabalhos freelance por mês.

Formação lucrativa. Se em criança sempre sonhou ser professora mas acabou por enveredar por outro caminho atingida a idade adulta, a verdade é que ainda vai muito a tempo. Hoje, dar formação profissional numa área para a qual tem especial apetência é um part-time que faz todo o sentido, principalmente se as aulas forem dadas em regime pós-laboral… Informe-se e deixe que a sua experiência e know-how contribuem para a conta bancária.

Ofícios em extinção. Desde simples arranjos de costura, passando pelo croché, tricot, trabalhos em linho, lenços de namorados e outras artes manuais que marcaram as vidas das nossas mães e avós, a verdade é que nos últimos tempos estas têm marcado um regresso em força. Se dominar os movimentos destas agulhas, felizmente para si existem mais pessoas a apreciar estes trabalhos do que a saber executá-los, ou seja, não se importam de pagar para os ter.

Rentabilizar para ganhar. Lembra-se daquele monte de roupa (alguma da qual ainda com as etiquetas intactas!) e acessórios que tem enfiados no fundo do armário da entrada e com os quais não sabe o que fazer? A solução é simples: vender. Em tempos de crise, as mulheres procuram saldos o ano inteiro e se tem artigos novos ou semi-novos dos quais pretende livrar-se, não faltam sites ou fóruns onde pode colocar tudo isso à venda. Experimente o Fórum Chique & Em Conta.


Se Gostou do que Leu, clique G+1

sábado, 19 de abril de 2014

Sila Tarot: Amuletos para Proteção do Lar

 
Os amuletos ou talismãs são objetos de proteção que podem nos ajudam no nosso  dia-a-dia. Alem de atraírem sorte, os amuletos também servem para proteção e afastar qualquer tipo de energia negativa.
 
FERRADURA
 
Bastante antigo, é um talismã que tem o poder de atrair o bem e expulsar o mal da casa de quem a tiver pregada na parede. Para ter ainda mais força, deve ser colocada atrás da porta da entrada de casa. Pode ser usada também para expulsar pessoas invejosas do local. Atrai dinheiro e prosperidade.
 
ELEFANTE BRANCO
 
Além de proteger a casa, impede que energias negativas destruam a sua família. Deve usar esse amuleto com o rabo do elefante virado para a porta da entrada de casa, evitando que fluidos negativos e olhares invejosos possam entrar por ela.
 
BUDA
 
Conhecido também como "o talismã da felicidade", atrai sorte e dinheiro, se estiver ao lado de moedas, para quem possui essa estátua em sua casa. Deve ser colocado virado para a parede, dentro de um pires e, de preferência, com muitas moedas ao seu redor para atrair riqueza. Para chamar a sorte, deve-se coçar a barriga do Buda, como sinal de carinho.
 
PARA TER SORTE
 
TREVO DA SORTE
 
Para se ter sorte em jogos, esse é o melhor talismã. Deve usá-lo para afastar o azar de uma vez, da sua vida. Caso tenha a sorte de encontrar um trevo de 4 folhas, guarde-o com carinho na carteira, até secar, pensando sempre positivamente que ele está a atrair muita sorte ao jogar. Caso não consiga encontrar, pode ser um fabricado, desde que o use com a mesma fé.
 
LUA
 
É também muito poderosa. O seu formato, reflectirá a energia para a sua vida. Deve-se usar a Lua Cheia ou Crescente.
 
 
Se Gostou do que Leu, clique G+(=Gosto)

quinta-feira, 17 de abril de 2014

Sila Tarot: Como Ler a sorte nas folhas de chá?

 
Também conhecida como Tasseomancia, os detalhes exatos dos métodos para ler as folhas de chá variam, mas o processo descrito aqui representa a maioria das abordagens. Originário da China antiga, os seus imperadores utilizavam-na para prever o futuro. O chá (de preferência o chá preto, da China ou Índia) é preparado com folhas soltas e servido em numa chávena de cor clara, sem usar um coador. A pessoa que terá a sorte lida, bebe o chá, deixando uma pequena quantidade de líquido e todas as folhas no fundo. A técnica consiste em identificar figuras formadas pelas folhas do chá nas paredes internas da chávena, e quanto mais perto da borda estiver a imagem, mais perto estará de acontecer. Depois de mexer o resíduo três vezes, vira-se a chávena de cabeça para baixo sobre o pires e bate-se três vezes no fundo da mesma, para a maioria das folhas caírem. O adivinho, pega então na chávena e examina os desenhos das folhas que ficaram coladas ao fundo e nos lados.
 

O que podemos aprender com os restos das folhas numa chávena de chá? Bem, os que lêem as folhas de chá, dizem que conseguem ver aquilo que está para acontecer. Padrões de linhas, pontos e formas geométricas, assim como imagens que lembram plantas, animais e objetos têm significados específicos. Uma única linha reta por exemplo, indica planeamento cuidadoso e paz de espírito. Duas linhas paralelas significam que uma jornada gratificante o aguarda. Um círculo com uma cruz em cima é em geral, um mau sinal, pois sugere um confinamento forçado, como ser preso ou hospitalizado, enquanto uma árvore indica sucesso, e uma semente saúde. Quanto mais perto a imagem estiver da borda da chávena, mais cedo o que ela prediz irá acontecer. Supostamente, um acontecimento indicado por uma imagem no fundo da chavena, só ocorrerá num futuro distante.
 
Muitos adivinhos afirmam que apenas as pessoas com uma habilidade psíquica muito desenvolvida podem ler as folhas do chá corretamente. De acordo com essa teoria, as folhas estimulam os poderes intuitivos do adivinho que é então, capaz de ver o futuro e perceber verdades que de outra forma permaneceriam ocultas. Isso não impede no entanto, que milhares de pessoas sem poderes mediúnicos experimentem a teimancia / tasseomancia só por diversão ou por curiosidade.


Antes da prática desta mancia (previsão, profecia)  

1- Purifique o ambiente.(Coloque cristais, incensos, velas e um copo de água para tentar melhorar as energias. Nem todos estes ingredientes são necessários.)
2- Prepare o chá e lembre-se, não coe demais a bebida, os resíduos das ervas aromáticas ajudam a formar figuras mais nítidas.
3- Prefira chávenas com a boca mais larga do que o fundo, de preferência brancas, para criar contraste entre a cor da erva e a chávena.





Exemplo de Imagens:
  • Abelha: Encontro com amigos
  • Abóbora: Relacionamento amoroso
  • Adaga: Ameaça de inimigos
  • Agulha : Respeito por outros
  • Âncora: Viagem
  • Anel: Casamento
  • Aranha: Dinheiro
  • Arco-íris: Sorte
  • Arma: Perigo, guerra,catástrofe
  • Árvore: Prosperidade
  • Asas: Novidades
  • Asno: Necessidade de paciência
  • Balança: Justiça, sucesso com a lei
  • Balão: Problema indo embora
  • Banana: Viagem a negócios
  • Bandeira: Perigo
  • Barco: Visita de um amigo
  • Bengala: Necessidade de apoio
  • Bode: Infortúnio
  • Boi: Discussão com amigos
  • Borboleta: Felicidade
  • Cachimbo: Novas ideias
  • Cachoeira: Fartura
  • Cão: Amigos fieis
  • Cadeira: Hóspede inesperado
  • Canguru: Viagem inesperada
  • Caranguejo: Inimigo à espera
  • Cardo : Grandes ambições
  • Casa: Estabilidade
  • Ceifeira: Boa colheita ou prenúncio de morte
  • Chaleira: Um lar amigável
  • Chapéu: Uma nova situação de trabalho
  • Chifre : Fartura
  • Círculo: Amor
  • Coelho: Sucesso
  • Cogumelos: Conte com atrasos
  • Corda : Assuntos delicados
  • Coruja: Escândalo, problemas de saúde
  • Cruz: Problemas à frente
  • Diamante: Um presente caro
  • Dragão: Mudanças
  • Envelope: Novidades
  • Escada: Melhoria a caminho
  • Escada de mão: Avanço, movimento, sucesso
  • Escorpião: inimigo
  • Espada: Discussão com um amigo
  • Esqueleto: Doença
  • Esquilo: Prosperidade futura
  • Estrela: Amor a vista
  • Fechadura: Notícias indesejadas
  • Ferradura: Sorte
  • Flecha: Más notícias por carta
  • Flores : Amor, honra, estima
  • Folha : Esperança
  • Galho de árvore: Nova amizade
  • Ganso: Um convite
  • Garfo: Desvio de um objetivo
  • Gato: Traição
  • Girafa : Um desentendimento
  • Guarda-chuva: Aborrecimentos
  • Homem: Um visitante inesperado
  • Instrumentos musicais: Boas companhias
  • Janela: Ajuda de um amigo
  • Lagarto: Inimigos ocultos
  • Lamparina: Ganhos financeiros
  • Leão: Amigos prestativos
  • Livro: Atenção, aprendizagem
  • Lua: Amor
  • Luva: Honra
  • Mão: Amizade
  • Martelo: Vencer as dificuldades, trabalho duro
  • Mesa: Uma reunião agradável
  • Moeda: Pagamento de dívidas
  • Montanha: Viagem ou obstáculo
  • Morcego: Decepção
  • Ninho : Abrigo
  • Nó: Perigo adiante
  • Nuvens: Dúvida
  • Olho: Tenha cuidado
  • Ovelha: Sorte
  • Ovo: Fertilidade, filhos
  • Pá: Prosperidade na indústria
  • Papagaio: Transtorno
  • Pássaro: Liberdade
  • Peixe: Notícia de longe
  • Pena: É preciso se esforçar mais
  • Pêndulo: Indecisão
  • Pomba: Sonhos a cumprir
  • Porco: Dificuldade no relacionamento
  • Rã: Melhoria nos negócios
  • Rato: Perigo, perda de bens
  • Relógio: Cura de doenças
  • Remo : Problemas temporários
  • Rosto: Novos amigos
  • Sapato: Mudança de carreira
  • Semente: Saúde
  • Sereia: Tentação
  • Serpente: Falsidade
  • Serra: Problemas com estranhos
  • Sinos: Boas-novas
  • Sol: Felicidade constante
  • Taça de vinho: Comemoração
  • Tambor: Fofoca
  • Tartaruga: Crítica
  • Teia: Complicações
  • Tesoura: Palavras ofensivas, desentendimentos em família
  • Triângulo: Acontecimento inesperado
  • Uvas: Bons momentos com os amigos
  • Vaso: Um amigo precisa de ajuda
  • Viola: Romance em vista
  • Violino: Solidão
  • Chávena: Grande sucesso

Se Gostou do que Leu, clique G+1  (= Gosto)

Sila Tarot: Feliz Páscoa!


 
Páscoa significa ressurreição, renascimento, renascer para a vida.
 
Páscoa é tempo de amor, de família e de paz e de ressurreição! Chega a mudança... a transformação... o renascer! É o momento para abandonar tudo o que é velho e antigo e olhar para a frente com coragem.
 
Desejo que nesta Páscoa, possamos renascer também.
 
Que neste momento tão especial e de reflexão, possamos lembrar-nos dos que estão aflitos e sem esperanças.
 
Possamos fazer uma prece por aqueles que já não o fazem, porque perderam a fé num novo recomeçar, pois esqueceram que a vida é um eterno ressurgir.
 
Páscoa é um sentimento nos nossos corações de esperança, fé e confiança. É dia de milagres. Desejo que nesta Páscoa todos estejam unidos em oração, para que o amor, a esperança, e a alegria invadam os nossos corações.
 
Sejam Felizes!
 

Sila Tarot: A Páscoa e a Sua Tradição!

O nome Páscoa surgiu a partir da palavra hebraica "pessach" ("passagem"), que para os hebreus significava o fim da escravidão e o início da libertação do povo judeu (marcado pela travessia do Mar Vermelho, que se tinha aberto para "abrir passagem" aos filhos de Israel que Moisés ia conduzir para a Terra Prometida).
 
Ainda hoje a família judaica se reúne para o "Seder", um jantar especial que é feito em família e dura oito dias. Além do jantar há leituras nas sinagogas.
 
Para os cristãos, Páscoa significa passagem. É a celebração mais importante da Igreja Cristã, onde se comemora a "Ressureição”, a passagem de Jesus Cristo da morte para a vida: a Ressurreição de Jesus Cristo. A passagem de Deus entre nós e a nossa passagem para Deus. É considerada a festa das festas, a solenidade das solenidades.
 
A Quaresma começa na quarta-feira de cinzas e termina na quinta-feira da Semana Santa, quando os católicos realizam a preparação para a Páscoa. O período é reservado para a reflexão, a conversão espiritual e onde os cristãos se recolhem em oração e penitência para preparar o seu espírito.
 
Durante a Quaresma a Igreja veste os seus ministros com vestes de cor roxa, que simbolizam tristeza e dor. A quarta feira de cinzas é um dia usado para lembrar o fim da própria mortalidade. É costume serem feitas missas onde os fiéis são marcados na testa com cinzas. Essa marca normalmente permanece na testa até o pôr do sol. Esse simbolismo faz parte da tradição demonstrada na Bíblia, onde vários personagens jogavam cinzas nas suas cabeças como uma prova de arrependimento, também como prova do seu desgosto.
 
Muitas pessoas perguntam-se porque a Quaresma é praticada durante um período de 40 dias. Na Bíblia, o número quarenta é bastante comum: 40 dias de dilúvio, quarenta anos do povo de Deus no deserto, quarenta dias de Elias e Moisés na montanha, 40 dias de Jesus no deserto antes de começar o seu ministério, 400 anos de opressão do povo de Deus pelos egípcios, etc.
 
Cerca de duzentos anos após o nascimento de Cristo, os cristãos começaram a preparar a festa da Páscoa com três dias de oração, meditação e jejum. Por volta do ano 350 d.C. a Igreja aumentou o tempo de preparação para quarenta dias e foi assim que surgiu a Quaresma.
 
A Páscoa está inserida na Semana Santa, onde na "Sexta Feira Santa" é celebrada a crucificação de Jesus, e no "Domingo de Páscoa" se celebra a Ressurreição e a sua primeira aparição aos seus discípulos. O "Domingo de Páscoa" acontece após a primeira lua cheia que ocorre no início da primavera, no hemisfério Norte. A Páscoa é uma festa móvel, varia o dia em cada ano, a data é sempre comemorada entre os dias 22 de março e 25 de abril. A Páscoa é comemorada em vários países.
 
Em tempos antigos, no hemisfério norte, a celebração da Páscoa era marcada com o fim do inverno e o início da primavera. Tempo em que animais e plantas aparecem novamente. Os pastores e camponeses presenteavam-se uns aos outros com ovos.
 
SÍMBOLOS DA PASCOA
 
O Ovo da Páscoa
 
Nas culturas pagãs, o ovo representa o começo da vida. Vários povos costumavam presentear os amigos com ovos, desejando-lhes boa sorte na passagem para uma vida feliz.
 
Já os chineses costumavam distribuir ovos coloridos entre amigos na primavera, como referência à renovação da vida.
 
Existem muitas lendas sobre os ovos. A mais conhecida é a dos persas: Acreditavam que na terra tinha caído um ovo gigante e por essa razão, os ovos tornaram-se sagrados.
 
Os cristãos primitivos do oriente foram os primeiros a dar ovos coloridos na Páscoa, simbolizando a ressurreição, o nascimento para uma nova vida. Nos países da Europa costumava-se escrever mensagens e datas nos ovos e doá-los aos amigos. Na Alemanha, o costume era presentear as crianças. Na Arménia decoravam ovos ocos com figuras de Jesus, Nossa Senhora e outras figuras religiosas.
 
Pintar ovos com cores da primavera, para celebrar a Páscoa, foi adotado pelos cristãos, nos séculos XVIII. A igreja doava aos fiéis os ovos bentos.
 
A substituição dos ovos cozidos e pintados por ovos de chocolate, pode ser justificada pela proibição do consumo de carne animal, por alguns cristãos, no período da quaresma.
 
A versão mais aceite é a de que o surgimento da indústria do chocolate, em 1830, na Inglaterra, fez o consumo de ovos de chocolate aumentar.
 
 
O Coelho
 
Um dos símbolos da Páscoa é o coelho. O animal tornou-se símbolo porque em tempos antigos, no hemisfério norte, a celebração era exatamente no fim do inverno e o início da primavera, quando os animais apareciam nos campos, com as suas crias, era a época da fertilidade.
 
Devido á sua grande capacidade de fecundar, o coelho tornou-se um dos símbolos mais populares da Páscoa. É que ele simboliza a Igreja que, pelo poder de cristo, é fecunda na sua missão de propagar a palavra de Deus a todos os povos.
 
O Cordeiro
 
O cordeiro é o símbolo mais antigo da Páscoa, é o símbolo da aliança feita entre deus e o povo judeu na Páscoa da antiga lei. No Antigo Testamento, a Páscoa era celebrada com os pães ázimos (sem fermento) e com o sacrifício de um cordeiro como recordação do grande feito de Deus em prol do seu povo: a libertação da escravidão do Egito. Assim o povo de Israel celebrava a libertação e a aliança de Deus com o seu povo.
 
Moisés, escolhido por Deus para libertar o povo judeu da escravidão dos faraós, comemorou a passagem para a liberdade, sacrificando um cordeiro.
 
Para os cristãos, o cordeiro é o próprio Jesus, Cordeiro de Deus, que foi sacrificado na cruz pelos nossos pecados, e cujo sangue nos redimiu: "morrendo, destruiu a nossa morte, e ressuscitando, restituiu-nos a vida". É a nova Aliança de Deus realizada pelo Seu Filho, agora não apenas com um povo, mas com todos os povos.
 
O Círio Pascal
 
É uma grande vela que se acende na igreja, no sábado de aleluia. Significa que "Cristo é a luz dos povos".
 
Nesta vela, estão gravadas as letras do alfabeto grego"alfa" e "ómega", que quer dizer: Deus é princípio e fim. Os algarismos do ano também são gravados no Círio Pascal.
 
O Círio Pascal simboliza o Cristo que ressurgiu das trevas para iluminar o nosso caminho.
 
 
 
O Pão e o Vinho
 
O pão e o vinho, sobretudo na antiguidade, foram a comida e bebida mais comum para muitos povos. Cristo ao instituir a Eucaristia serviu-se dos alimentos mais comuns, para simbolizar a sua presença constante entre as pessoas de boa vontade. Assim, o pão e o vinho simbolizam essa aliança eterna do Criador com a sua criatura e a sua presença no meio de nós.
 
Jesus já sabia que seria perseguido, preso e pregado numa cruz. Então, combinou com dois dos seus discípulos, para que preparassem a festa da Páscoa num lugar seguro.
 
Quando estava tudo pronto, Jesus e os outros discípulos reuniram-se para celebrarem a ceia da Páscoa. Esta foi a Última Ceia de Jesus.
 
A instituição da Eucaristia foi feita por Jesus na Última Ceia, quando ofereceu o pão e o vinho aos seus discípulos dizendo: "Tomai e comei, este é o meu corpo... Este é o meu sangue...". O Senhor "instituiu o sacrifício eucarístico do seu Corpo e do seu Sangue, para perpetuar assim o Sacrifício da Cruz ao longo dos séculos.
 
A Páscoa judaica lembra a passagem dos judeus pelo mar vermelho, em busca da liberdade.
 
Hoje, comemoramos a Páscoa relembrando a jornada de Jesus: vida, morte e ressurreição.
 
 
Se Gostou do que Leu, clique G+1 (= Gosto)