segunda-feira, 22 de janeiro de 2018

Sila Tarot: Os Gatos: Os Nossos Especiais Protectores!


Os gatos possuem uma conexão com o mundo mágico, invisível. Assim como os cães são os nossos guardiões no mundo físico, identificam a energia positiva, os gatos são nossos protectores no mundo energético, pois transformam a energia – De Negativa: Para Positiva. Durante o tempo em que um gato está acordado, o gato vai “limpando” a sua casa de energias intrusas. Enquanto dorme, ele filtra e transmuta esta energia. O gato pode, muitas vezes, ficar em lugares com baixa circulação de energia ou Chi vital para poder activar esta área.

Quem já não presenciou o seu gato olhando para o nada, totalmente imerso… Ele certamente vê coisas que não vemos, desde insectos microscópicos até seres de outras dimensões. Muitas vezes o seu gato vai para um lugar isolado da casa e começa a miar… Não é só atenção que ele quer: é um alerta que ele está a dar: a qualidade da energia daquele espaço precisa de ser melhorada. Os nossos problemas, o nosso stress diário é absorvido pelo gato. Quando se torna pesado demais e o espaço está muito carregado, não raramente o gato adoece.

Claro que o gato não é o único responsável pelo o equilíbrio energético do seu lar, mas ele esforça-se bastante. Quando mais harmonioso for o seu ambiente, menos energia negativa ele precisará filtrar e consequentemente será mais feliz e saudável.

Quando dormimos, os nossos corpos astrais separam-se do corpo físico e vão para a quinta dimensão, a dimensão sem tempo e espaço: a dimensão em que estamos durante os nossos sonhos. Por falta de treino e preparação, na grande maioria das vezes não enxergamos essa dimensão tal como ela é, em vez disso a “mascaramos” e codificamos com o nosso conteúdo psíquico e inconsciente. Os gatos muitas vezes nos acompanham nessas viagens astrais ou protegem o nosso corpo astral, além de guardar o nosso quarto de espíritos indesejados enquanto dormimos. Essas são as razões pelas quais eles gostam de dormir connosco na cama.

Os gatos também supervisionam a nossa evolução. Durante a sua convivência connosco, eles transmitem informações a dimensões superiores, servindo como radares e transmissores. Além disso, como transmutadores de energia, eles auxiliam na cura, desempenhando um papel semelhante ao dos cristais.


Os gatinhos são professores, eles ensinam-nos a amar. Um amor livre, não submisso, respeitador do arbítrio alheio e das diferenças. Por isso tantas pessoas têm dificuldade de conviver com gatos e os acham “interesseiros”. Primeiro, tem de conquistar a confiança de um gato. Depois, tem que aprender a respeitá-lo. Ele vai demonstrar afeto quando realmente estiver disposto, não no momento em que mandar. Gatos emanam amor. Do ponto de vista energético, as pessoas que têm alergia a gatos são pessoas que têm dificuldade de deixar o amor entrar nas suas vidas.

Se há muitas pessoas na família e um único gato, ele pode ficar sobrecarregado absorvendo a negatividade de todos. É bom ter mais do que um gato para dividir a carga entre eles, ainda mais nestes casos.

Se não tem um gato, e um gatinho de rua aparece na sua vida, é porque você precisa de um gato numa fase particular. O gatinho está-se a propor a ajudá-lo. Se você não pode acolher o gatinho, é importante que encontre um lar para ele. O gato escolhe o dono, depois de o observar, e pela energia que emite. O gato só aparece a quem precisa de ajuda. O gatinho chegou até si por alguma razão que você pode não compreender a nível físico, mas conseguirá descobrir através dos sonhos, se assim o desejar. Muitas vezes o gatinho aparece, cumpre a sua função e se vai.

Fique atento à forma como os gatos reagem a visitas na sua casa. Muitas vezes eles estão a tentar protegê-lo de um campo áurico negativo ou pesado.


COMO MARCAR CONSULTA: 



Se Gostou do que Leu, clique G+1 ( = Gosto)

Sila Tarot: Conheça Aqui Qual o Seu Anjo da Guarda


O nosso anjo da guarda aparece no dia em que nascemos e acompanha-nos ao longo de toda a nossa vida na Terra. Ninguém percorre o seu caminho sozinho e nunca nos sentiríamos desamparados, se tivéssemos consciência da ajuda que eles nos podem dar, a nível espiritual e muitas vezes, físico.


ORAÇÕES AOS ANJOS DE CADA SIGNO

ARIES / CARNEIRO
PROTECTOR : SAMUEL


O Arcanjo Samuel, esse é o grande protector do nativo deste signo. A coragem, o espírito de liderança e a capacidade de realizar do ariano são consequências dessa influência. Na hora da oração para o seu anjo da guarda, o ariano deve pedir para que se torne mais amável, compreensivo e paciente.

" Samuel, ajude-me a ter paciência e compreensão na hora de tomar as decisões que envolvem minha vida. Faça com que eu seja menos agressivo(a) e me torne sensível a amável. Que eu aceite as pessoas com suas qualidades e defeitos. Que eu compreenda todas as atitudes de meus companheiros, sem querer mudá-los ou transformá-los. Meu querido Anjo Samuel, dê-me inteligência e coragem para que eu seja capaz de realizar meus objectivos. Fortaleça-me com o seu amor e poder eterno. Amém. "


TOURO
PROTECTOR: ANAEL

Touro – A serenidade e a cautela para lidar com os diferentes aspectos da vida são características marcantes deste signo, que tem como seu protector e escudeiro o Arcanjo Anael. O taurino deve pedir para que seu anjo da guarda controle seu materialismo e o dê força para ser mais persistente e criativo.

" Poderoso Anjo Anael, ilumine minha mente e faça com que eu seja a cada dia melhor. Dê-me inteligência, determinação e criatividade para realizar minhas tarefas. Diminua meu fascínio pelas coisas materiais e me ensine a valorizar e admirar as pessoas de minha convivência. Que eu não julgue meus irmãos apenas pelo que eles possuem. Me dê sempre forças para que eu conquiste a vitória em minha vida. Arcanjo Anael, rogo-lhe que me ampare sempre. Que assim seja ". Amém.

GÉMEOS
PROTECTOR: RAFAEL


Influenciado pelo Arcanjo Rafael, o geminiano consegue contornar qualquer situação. Sua inteligência e sua facilidade de interagir são fortes aspectos da relação com seu protector. Para engrandecer, este signo deve pedir para que seus dons sejam sempre usados para proporcionar o bem, tanto para ele quanto para aqueles que o cercam.

" Recorro a vós ,Arcanjo Rafael, para agradecer o dom da minha comunicação. Faça com que através de minhas palavras eu divulgue a graça de Deus a todas as pessoas. Faça-me livre para que eu possa amar e respeitar meus irmãos. Rafael, faça com que eu use minha versatilidade para crescer profissional e espiritualmente. que a cada dia eu busque melhorar ainda mais o meu ser. Obrigada pela liberdade que eu tenho. Assim poderei conquistar e ser conquistada. Amém. "




CÂNCER / CARANGUEJO
PROTECTOR : GABRIEL


Agir sempre com o coração. A personalidade tão própria, é consequência da influência de seu Arcanjo, o Arcanjo Gabriel. A sua sensibilidade e preocupação com tudo e todos os que estão a sua volta, também são características dessa relação. Na oração, pedidos como inteligência para lidar com seus sentimentos e coragem para enfrentar seus medos, não devem ficar por pedir.


" Meu protector Gabriel, pelo seu santo poder eu venho agradecer a grande sensibilidade e energia que recebi de Deus. Sei que pela força do Criador e pela sua protecção serei um vitorioso em todos os momentos de minha vida. Gabriel, fortaleça minhas emoções e meus desejos para que eu possa sempre ajudar os mais necessitados. Faça com que eu seja simples e confiável. Gabriel, esteja sempre me amparando nos momentos de angústia e dor. Amém . "


LEÃO
PROTECTOR: MIGUEL

A protecção do Arcanjo Miguel, possibilita ao leonino estabelecer com os demais signos uma relação de poder e fascínio. Quando se trata da carreira profissional, este anjo traz vibrações bastante positivas, fazendo com que o regido por este signo seja capaz de canalizar toda a sua sabedoria nesta área. O leonino deve pedir para que seu anjo o ajude a controlar seu orgulho e a transformar toda a sua força em algo positivo.

" Miguel, ensina-me a ser menos orgulhoso(a) para não magoar meus semelhantes. Faça com que eu me saiba sempre controlar e usar para o bem o poder o que tu me deste. Fortaleça o meu ser quando eu estiver liderando e que todos me aceitem como eu sou. Dê-me o dom do amor, para que eu faça o meu parceiro(a) sempre feliz. Faça com que eu irradie luz para todos aqueles que necessitam de uma palavra de conforto. Que os frutos de minha inteligência sejam usados apenas para o bem. Miguel, obrigado(a) por sempre me amparar e proteger. Amém. "



VIRGEM
PROTECTOR: RAFAEL


Inteligente e, extremamente, crítico, o virginiano conta no seu dia-a-dia, com a protecção do Arcanjo Rafael. Essa relação é bastante positiva, principalmente, em relação aos problemas relacionados à saúde. Ao seu protector, este signo deve pedir que o ajude a entender a natureza humana, já que todos são passiveis de erro, e que o ensine a ser mais amável e pacífico.


"Oh, Rafael! Ilumine a minha vida e faça-me uma pessoa organizada e ordeira. Que através destes dons eu possa ensinar a fé a todos aqueles que ainda não conhecem o seu poder e força. Dá-me amparo na hora de lidar com minha família. Que a minha maneira de ser não afaste as pessoas. Oh, Rafael, através de ti peço perdão a Deus. Desculpe-me se muitas vezes quero ser mais do que realmente sou. Ensina-me a transmitir aos outros paz e amor, sempre. Assim seja. Amém."




LIBRA / BALANÇA
PROTECTOR: ANAEL


Quem protege os passos do libriano é o Arcanjo Anael. O seu senso de justiça e igualdade e a sua capacidade de ser amável com todos os que o cercam são características dessa relação. Pedir que essa generosidade continue presente na sua vida e força para enfrentar as dificuldades do quotidiano é essencial para este signo.

" Anael, pelo poder de Deus, sois mais forte do que todas as fortaleças. Recorro a ti para agradecer o dom que recebi do senhor, de ser gentil e sensível com todos. Que eu nunca desanime diante de um pedido de ajuda. Que esteja sempre pronta(o) para ajudar todos aqueles que de mim precisarem. Que os meus braços estejam sempre abertos para acolher os mais necessitados. Dê-me sabedoria Anael, para que eu transmita a tua grandeza de espírito. Amém."


ESCORPIÃO
PROTECTOR: AZRAEL


A constante busca espiritual do escorpiano é guiada pelo Arcanjo Azrael. A capacidade de adivinhação e o forte magnetismo deste signo são frutos dessa relação. Na oração, pedir para que sua vaidade seja controlada e a sua criatividade seja sempre para o bem, pode acrescentar vibrações bastante positivas para esse nativo.


"Azrael. que através de Deus ilumine o coração de todos os fiéis com sua luz divina, agradeço-te o magnetismo que me deste,. Peço apenas que me ajude a controlar a minha vaidade para que eu não me torne uma pessoa egoísta. Faça, Azrael, que eu coloque a minha criatividade a serviço de Deus. Cubra-me com a tua graça e faça com que minha energia física e mental nunca termine. Oh, meu zeloso Anjo, prometo esforçar-me a cada dia mais, para que com a tua ajuda atingir os meus objectivos. Amém."

SAGITÁRIO
PROTECTOR: SAQUIEL

O Arcanjo Saquiel, este é o Arcanjo responsável por iluminar o caminho do aventureiro e objectivo sagitariano. A capacidade de síntese trazida por esta relação colabora para o sucesso no campo profissional. Este signo deve pedir para que consiga transmitir a todos os que convivem com ele a mesma paz interior e o mesmo optimismo que norteiam a sua vida

"Arcanjo Saquiel, Anjo de infinita bondade, eis que venho a ti para te agradecer o grande optimismo que existe no meu coração. Faça com que eu leve sempre aos outros alegria e bem-estar. Pela tua protecção tornei-me um ser abençoado e amável. Por isso, Saquiel, prolongue os meus dias sobre a terra para que eu possa expressar até o fim de minha vida as palavras de Deus. Que todos possam perceber em mim os benefícios de tua intercessão. Amém."




CAPRICÓRNIO
PROTECTOR : CASSIEL


A consciência financeira e a saudável relação que o capricorniano mantém com o trabalho são características marcantes da bênção do Arcanjo Cassiel, seu fiel escudeiro. Fé, autoconfiança e amabilidade, esses são pedidos que não podem faltar na oração deste signo.


"Arcanjo Cassiel, eis-me aqui, a teus pés, para pedir que continue sempre a abençoar os meus dias e a minha existência. Faça com que através do teu amor eu transmita aos outros toda a responsabilidade concedida a mim. Afaste de mim as recordações do passado, para que eu viva intensamente o presente. Não me deixe ser uma pessoa mesquinha e faça com que eu sempre enxergue as necessidades dos outros. Eu imploro que não me desampare e me torne um pessoa forte, com uma fé inabalável. Amém."



AQUÁRIO
PROTECTOR: URIEL


Os místicos passos do aquariano são acompanhados de perto pelo Arcanjo Uriel. A originalidade e a capacidade de se doar a todos os que estão a sua volta são marcas registadas dessa relação. Preservar o seu prazer pelo novo e a forma pacífica como lida com a vida devem ser os primeiros pedidos da oração deste nativo.


"Poderoso Uriel, ajudai-me a ser sempre uma pessoa original. Faça com que eu esteja sempre disposta(o) a ajudar os que de mim mais necessitam. Faça-me, Arcanjo Uriel, curiosa(o) em tudo para que eu possa aprender cada dia mais. Não permita que me distancie de minha família e dos meus amigos. Amoroso Uriel, faça-me merecedora do teu amor a atenda sempre aos meus pedidos. Amo-te, querido Uriel, e por isso nunca se afaste de mim. Amém."



PEIXES
PROTECTOR: ASARIEL


Inspiração e emoção, esses são os frutos colhidos pela relação entre o pisciano e seu Arcanjo Asariel. O desejo de mudar o mundo, de acabar com todas as formas de injustiça e de transmitir sempre o amor são consequências da protecção deste anjo da guarda. Na oração, este signo deve pedir coragem para enfrentar os desafios e para aprender a lidar com suas próprias inseguranças.

"Arcanjo Asariel, que foi enviado pelo Criador para salvar a humanidade, eu te imploro que jamais me abandone nos momentos de desespero. Faça-me sempre bondosa(o), para que em mim todos os aflitos encontrem o conforto que necessitam. O meu coração está a transbordar de amor e eu quero transmiti-lo a todos. Dê-me sabedoria e coragem para seguir em frente. Fortaleça a minha fé e esteja sempre junto nas aflições, porque assim sei que vou superar todos os obstáculos que surgirem no meu caminho. Amém"


COMO MARCAR CONSULTA: 



Se Gostou do que Leu, clique G+1 ( = Gosto)

Sila Tarot: 20 Regras Para Ter Uma Vida Melhor!


"Uma boa vida tem como base, o sentido do que queremos para nós, em cada momento e daquilo que realmente vale como principal.”

Assim dizendo, menciono 20 regras de vida, que coloquei em destaque: 


Dizem os "experts" em comportamento, que quem já consegue assimilar 10 delas, com certeza aprendeu a viver com qualidade.

1. Faça pausas de dez minutos a cada duas horas de trabalho, no máximo. Repita essas pausas na vida diária e pense em si, analise as suas atitudes.

2. Aprenda a dizer não, sem se sentir culpado ou achar que magoou alguém. Querer agradar todos é um desgaste enorme.

3. Planeie o seu dia, mas deixe sempre espaço para o imprevisto, consciente de que nem tudo depende de si.

4. Concentre-se apenas numa tarefa de cada vez. Por mais ágil que seja a sua mente, acaba por ficar esgotado.

5. Esqueça, de uma vez por todas, que é imprescindível. No trabalho, em casa, no grupo habitual. Por mais que isso lhe desagrade, tudo anda sem a sua acção, menos você próprio.

6. Deixe de ser o responsável pelo prazer de todos. Não é a fonte dos desejos, o eterno mestre de cerimonias.

7. Peça ajuda sempre que necessário, tendo o bom senso de pedir às pessoas certas.

8. Diferencie os problemas reais, dos problemas imaginários e elimine-os, porque são pura perda de tempo e ocupam um espaço mental precioso para coisas mais importantes.

9. Tente descobrir o prazer em actividades quotidianas como dormir, comer e tomar banho, sem também achar que é o máximo, que se consegue da vida.

10. Evite envolver-se na ansiedade e tensão alheias, enquanto emoções- ansiedade e tensão. Espere algum tempo e depois retome o diálogo, a acção.

 
 

11. Família não é você, está junto de si, compõe o seu mundo, mas não é a sua própria identidade.

12. Entenda que princípios e convicções fechadas, podem ser um grande peso, a trave do movimento e da busca.

13. É preciso ter sempre alguém em que se possa confiar e falar abertamente, pelo menos num raio de cem quilómetros. Não adianta estar mais longe.

14. Saiba a hora certa de sair de cena, de retirar-se do palco. Nunca perca o subtil sentido de importância de uma saída discreta.

15. Não queira saber se falaram mal de si e nem se atormente com esse lixo mental; escute o que falaram bem, com reserva analítica, sem qualquer convencimento.

16. Competir no lazer, no trabalho, na vida a dois, é óptimo… para quem quer ficar esgotado e perder o melhor.

17. A rigidez é boa na pedra, não no homem. A ele cabe firmeza, o que é muito diferente.

18. Uma hora de intenso prazer, substitui (com folga) 3 horas de sono perdido. O prazer recompõe mais que o sono. Logo, não perca uma oportunidade de se divertir.

19. Não abandone as suas 3 grandes e inabaláveis amigas: a intuição, a inocência e a fé!

20. E entenda de uma vez por todas, definitiva e conclusivamente: "Você é o que se fizer ser!"”


MARQUE AQUI A SUA CONSULTA: http://www.silatarot.pt/p/contactos.html

Se Gostou do que Leu, clique G+1 ( = Gosto)

domingo, 14 de janeiro de 2018

Sila Tarot: As Grandes Curiosidades Sobre a História do Tarot!


O Tarot e as suas origens estão envoltas em mistério e abertas à especulação. Há quem defenda que as cartas derivam dos livros sagrados do Antigo Egipto. Pensa-se, por outro lado, que tenham sido originárias na Índia ou na China e que foram trazidas pelos ciganos para a Europa. Percebem-se no Tarot símbolos, do que se pensa conterem os segredos do Universo e a chave da natureza humana e a influências das religiões Gregas e das filosofias Árabes e Indianas, assim como da Cabala Judaica.

Há documentos que comprovam serem as cartas de jogar, já conhecidas na Bélgica em 1379.

Feliciano Bussi na sua historia de “Viterbo” refere o uso de baralho de cartas em 1379, vindo através dos sarracenos e ao qual se dá-se o nome de naib. Em Espanha, no ano de 1367, encontramos também esse tipo de cartas descritas com o nome de naipe. Pensa-se que a palavra naipe tenha surgido da palavra flamenga knaep, palavra esta derivada de papel.

Wurzburg, um bispo alemão em 1329 proibiu durante uma pastoral, tantos os monges como as freiras da sua diocese, de jogarem às cartas.

Vindas de Espanha, as cartas são levadas para a Itália, sendo encontradas em Veneza pela primeira vez em 1545.

Assim, podemos dizer que o jogo do Tarot é um misto do jogo naib e o baralho de cartas comum.

A Court de Gebelin, defende que os símbolos do Tarot derivam das imagens iniciáticas dos sacerdotes Egípcios, cujas figuras eram pintadas em duas fileiras nas paredes das galerias subterrâneas, na grande pirâmide Gizé.


Advoga ainda, que provavelmente teriam vindo para a Europa, trazidas através dos ciganos, que as utilizavam para ler a sorte, na sua arte adivinhatória, cujo nome era uma forma alterada da palavra “Egípcios”. No entanto, as cartas de Tarot também poderão ter sido trazidas pelos Cruzados, no regresso da Terra Santa, no século XIV. Há quem defenda a teoria de que foram os próprios templários a inventar as cartas do Tarot, uma ordem de cavalaria guerreira e asséptica formada por Cruzados por volta do ano de 1118, sob a chefia de Hugh de Payen.

Antoine Court Gebelin, escritor francês, devido ao seu grande fascínio pelas lendas, escreveu em 1781: “Pensa-se que toda a sabedoria antiga foi destruída, quando a grande biblioteca de Alexandria foi queimada. Não foi porém, assim. Há um livro, que foi passado de mão em mão, e com ele, muitos segredo dos antigos. Está escrito em setenta e oito folhas, divididas em cinco secções.

Ele estava sem dúvida a referir-se ao Tarot. Para Gebelin, as vinte e duas cartas dos Arcanos Maiores representavam os líderes temporais e espirituais da sociedade egípcia antiga. As outras cinquenta e seis cartas, eram divididas em quatro naipes, referentes às quatro classes da sociedade do Antigo Egipto. Tanto os reis como os militares, ostentavam a espada (naipe de espadas), a taça simbolizava os sacerdotes, (naipe de copas), os paus eram o símbolo correspondente aos agricultores (naipe de paus) e as moedas representavam os comerciantes (naipes de ouros). Gebelin criou então em 1781, a base dos baralhos de Tarot actuais, e incluiu pela primeira vez "O Louco", como a carta nº 0 (zero).


MARQUE AQUI A SUA CONSULTA Tarot+Cartomância: http://www.silatarot.pt/p/contactos.html


Se Gostou do que Leu e para que eu publique mais temas semelhantes, clique (no site) G+1= Gosto - É anónimo

Sila Tarot: Como Saber se é uma Pessoa Sensitiva?


Ser uma pessoa sensitiva, significa que tem a capacidade de perceber e ser afectado pelas energias de outras pessoas e ter uma capacidade inata de sentir e perceber intuitivamente os outros. A sua vida é inconscientemente influenciada pelos desejos dos outros, desejos, pensamentos e estados de espírito. Ser sensitivo é muito mais do que ser altamente sensível e não está limitado apenas às emoções. Pessoas mais sensitivas podem perceber sensibilidades físicas e impulsos espirituais, bem como apenas saber as motivações e intenções de outras pessoas.

Aqui ficam 30 dos traços mais comuns do SENSITIVO ( ou Empata):

1. Saber: os sensitivos sabem coisas, sem lhes ser dito. É um conhecimento que vai além da intuição, mesmo que essa seja a forma como muitos poderiam descrever o saber. Quanto mais sintonizados eles são, mais forte este dom se torna.

2. Estar em locais públicos pode ser esmagador ou avassalador: Locais como shoppings, supermercados ou estádios onde há uma grande quantidade de pessoas ao redor pode preencher os sensitivos com as emoções turbulentas vindas de outras pessoas.

3. Sentir as emoções e tomá-las como suas: Este é o grande fardo para sensitivos. Alguns deles vão sentir emoções vindas daqueles que estão perto e outros poderão sentir as emoções de pessoas a uma grande distância, ou até ambas. Os sensitivos mais sintonizados irão saber se alguém está a ter maus pensamentos sobre eles, até mesmo a uma grande distância.

4. Assistir violência, crueldade ou tragédias na TV pode tornar-se insuportável. Quanto mais sintonizado um sensitivo se torna, pior se torna o ato de ver TV. Pode acontecer, eventualmente, este ter de parar de ver televisão e ler jornais por completo.

5. O Sensitivo sabe quando alguém não está a ser honesto: Se um amigo ou um ente querido lhe está a dizer mentiras ele sabe disso (embora muitos sensitivos tentam não se focar muito nesse conhecimento, porque saber que um ente querido está a mentir pode ser doloroso). Se alguém está a dizer alguma coisa, mas se ele sente ou pensa de outra, ele simplesmente sabe.

6. Captar os sintomas físicos de uma outra pessoa: Os sensitivos podem desenvolver as doenças de outra pessoa (constipações, infecções oculares, dores no corpo e dores), especialmente aqueles que são mais próximos, um pouco como as dores de simpatia.

7. Distúrbios digestivos e problemas nas costas: o chakra do plexo solar tem base no centro do abdómen e é conhecido como a sede das emoções. Este é o lugar onde os sensitivos sentem a emoção de entrada do outro, o que pode enfraquecer a área e, eventualmente, levar a qualquer problema, desde úlceras estomacais a má digestão, entre muitas outras coisas. Os problemas nas costas podem-se desenvolver porque quando uma pessoa que não tem conhecimento que é sensitivo e não está preparado, estará quase sempre “sem chão”.

8. Sempre a olhar e a cuidar dos oprimidos: Qualquer um cujo sofrimento, dor emocional, a ser vítima de injustiça ou a ser intimidado, chama a atenção e a compaixão de um sensitivo.

9. Outros irão querer descarregar os seus problemas, até mesmo estranhos: Um sensitivo pode-se tornar uma lixeira para questões e problemas de toda a gente e se não tiver cuidado, pode começar a utilizar esses problemas como os seus próprios.

10. Fadiga constante: Os sensitivos ficam muitas vezes sem energia, seja de vampiros de energia ou apenas por captar em demasia a energia dos outros, que até mesmo o sono não cure. Muitos são diagnosticados com Fadiga Crónica ou até Fibromialgia.

11. Personalidade possivelmente viciada: Álcool, drogas, sexo, são para citar apenas alguns vícios a que os sensitivos podem recorrer, para bloquear as emoções dos outros. É uma forma de auto-protecção, a fim de se esconder de alguém ou de algo. Pode não se tornar um vício mas, em menor escala, hábitos regulares.

12. Atracção para a cura, as terapias holísticas e todas outras coisas metafísicas: Embora muitos sensitivos gostassem de curar os outros, podem acabar por se afastar dessa vocação (mesmo tendo eles uma capacidade natural para isso), depois de se terem estudado e formado, porque eles carregam muito daqueles que eles estão a tentar curar. Especialmente se eles não sabem da sua capacidade e habilidade de empatia. Qualquer coisa que tenha uma natureza sobrenatural é de interesse para os sensitivos e não se surpreendem ou ficam chocados facilmente. Mesmo com uma revelação que muitos outros considerariam impensável, por exemplo, os sensitivos teriam reconhecido que o mundo seria redondo, quando todos os outros acreditavam que era plano.

13. Criatividade: A cantar, dançar, atuar, desenhar ou escrever, terá uma forte veia criativa e uma imaginação muito fértil.

14. Amor pela natureza e pelos animais: Estar ao ar livre na natureza é uma obrigação para os sensitivos e os animais de estimação são uma parte essencial da sua vida. Podem não os ter porque acreditam que eles devem ser livres mas têm grande carinho e protecção por eles.

15. Necessidade de solidão: Um sensitivo vai agitar-se e ficar louco se não receber algum tempo de silêncio. Isto é ainda muito evidente em crianças empáticas.

16. Fica entediado ou distraído facilmente se não for estimulado nas tarefas mais rotineiras: Trabalho, escola e vida doméstica tem que ser mantidas interessantes, ou eles desligam-se delas e acabam a sonhar, rabiscar ou a procrastinar.


17. Consideram impossível fazer coisas que não gostam: Como no anterior, parece que eles estão a viver uma mentira ao fazê-lo. Para forçar um sensitivo a fazer algo que ele não gosta, através da culpa ou rotulando-o como passivo, servirá apenas para o fazer ficar infeliz. É por esta razão que muitos sensitivos ficam rotulados como sendo preguiçosos.

18. Luta pela verdade: Isso torna-se mais predominante quando descobrem os seus dons de nascença. Qualquer coisa que seja que ele sinta, sente que está completamente errada.

19. Sempre à procura de respostas e conhecimento: Ter perguntas sem respostas pode ser frustrante, e irão esforçar-se sempre para encontrar uma explicação. Se eles têm um conhecimento sobre algo, eles irão procurar a confirmação. O lado mau disto pode ser a sobrecarga de informações.

20. Gostam de aventura, liberdade e viagens: Os sensitivos são espíritos livres.

21. Abominam a desordem: Ela traz uma sensação de peso e bloqueia o seu fluxo de energia.

22. Adoram sonhar acordados: Podem olhar para o espaço horas a fio, ficando num mundo muito próprio e de muita felicidade.

23. Acham a rotina, as regras ou o controlo aprisionante: Qualquer coisa que tire a liberdade é debilitante.

24. Propensão para carregar peso sem necessariamente se desgastarem: O excesso de peso é uma forma de protecção para impedir a chegada das energias negativas que têm tanto impacto em si.

25. Excelente ouvinte: O sensitivo não vai falar de si, a menos que seja para alguém em quem realmente confia. Ele gosta de conhecer e aprender com os outros e genuinamente cuidar.

26. Intolerância ao Narcisismo: Embora sensato e generoso e muitas vezes tolerante para com os outros, os sensitivos não gostam de ter pessoas ao seu redor excessivamente egoístas, que se colocam em primeiro lugar e se recusam a considerar os sentimentos dos outros, ou pontos de vista diferentes do seu.

27. A capacidade de sentir os dias da semana: um sensitivo sentirá o “Sentimento de Sexta-feira”, quer ele trabalhe às sextas-feiras ou não. Eles captam sobre como o colectivo se está a sentir. O primeiro par de dias de um longo fim de semana de feriado (da Páscoa, por exemplo) pode ser sentido por eles, como se o mundo estivesse sorrindo, calmamente e relaxadamente. Domingo à noite, as segundas-feiras e terças-feiras, de uma semana de trabalho, têm um sentimento muito pesado.

28. Não vai optar por comprar antiguidades, vintage ou coisas em segunda mão: qualquer coisa que tenha sido pré-propriedade, carrega a energia do proprietário anterior. Um sensitivo vai mesmo preferir ter um carro ou uma casa nova (se eles estiverem numa situação financeira que lhe permita fazê-lo), sem energia residual.


29. Sente a energia dos alimentos: Muitos sensitivos não gostam de comer carne ou aves, pois eles podem sentir as vibrações do animal (especialmente se o animal sofreu), mesmo se eles gostarem do seu sabor.

30. Pode parecer mal-humorado, tímido, indiferente, desconectado: Dependendo de como ele se sente, isso irá influenciar com que cara eles se mostra para o mundo. Eles podem ser propensos a mudanças de humor e se eles captaram energia muito negativa aparecerão calados e insociáveis, parecendo mesmo miseráveis. Detestam ter de fingir ser feliz quando está triste, isso só aumenta a sua carga (torna o trabalho no sector de serviços, quando é preciso fazer o serviço com um sorriso, muito desafiador) e pode fazê-los sentir como que se escondendo debaixo de uma pedra.

Se se identifica com a maioria ou com todos os itens acima, então é definitivamente um sensitivo.

Os sensitivos estão a ter um momento particularmente difícil, no momento presente, captando todas as emoções negativas que estão a ser emanadas para o mundo a partir da população que sente as dificuldades da sociedade actual, por todo o mundo.

MARQUE AQUI A SUA CONSULTA: http://www.silatarot.pt/p/contactos.html

Se Gostou do que Leu e para que eu publique mais temas semelhantes, clique (no site) G+1= Gosto - É anónimo!

segunda-feira, 8 de janeiro de 2018

Sila Tarot: Como Curar o Mal-Estar e a Tristeza do Dia-a-Dia?


É possível que precisamente agora, esteja a passar por um mau momento. Pode ser devido a alguma coisa que aconteceu na sua vida, ou que simplesmente, encontre um vazio existencial difícil de explicar. A tristeza às vezes aparece e sufoca o nosso coração. E como nos livrarmos dela?

Como vencer a tristeza pouco a pouco?

A tristeza crónica é o substrato da depressão. Temos de ir com cuidado. Pense na tristeza como uma condição que precisa de ser sanada, como um músculo que temos que endurecer e fortalecer, para enfrentar a nossa realidade com a maior energia possível. Com muito ânimo.

O que é que costuma deixar-nos tristes? Pode parecer que somos muito diferentes, que cada um anda fechado no seu mundo particular. Mas na verdade, em todos nós pode doer o mesmo. A todos afetam as mesmas coisas: a sensação de solidão, não sermos compreendidos ou respeitados, o desprezo, o maltrato, as mentiras e as traições.

E às vezes também sofremos sem saber muito bem o motivo. Por um vazio? Por chegarmos a um momento das nossas vidas em que nos damos conta que não somos assim tão felizes? Às vezes acontece, e é algo normal. Existem dicas que passo a explicar e que pode seguir, para racionalizar a tristeza, e desapegar-se dela de um modo saudável.

1. Identifique o que é que a afecta

Pode parecer óbvio mas nem sempre é fácil. Às vezes é um acumular de muitas coisas: Algo que o seu companheiro tenha feito, a sensação de que não faz o que na realidade deseja e quer fazer, mas que apenas faz o que os outros esperam de si, uma desilusão, etc. Às vezes a tristeza não tem só um motivo, mas é composta por algo complexo, que é necessário saber decifrar.


2. Não fique quieta, não fique fechada em casa!

Ficarmos parados, acabamos por “cair” numa espécie de labirinto, do qual dificilmente conseguiremos (ou sequer desejamos) sair. Habituamos-nos ficar em casa, a não conviver, surge a tendência para a solidão, e torna-se num tamanho emaranhado de uma prisão auto imposta, e a tristeza vai-se tornando maior e cada vez mais profunda, muitas vezes aliada á depressão. Não se deixe vencer! Se começar a querer ficar em casa, não sair com os seus amigos e familiares, deixando de parte as relações sociais/humanas e a preferir ficar na sua cama e no escuro, a depressão, já se terá apoderado de si.

Não o permita! Ganhe um novo fôlego e repita-se quantas vezes forem necessárias, que não se deixará vencer, que merece ser feliz e que toda a tristeza é passageira, e que todos os problemas tem uma solução. Nada é eterno, e tem o direito de encontrar a sua própria tranquilidade, a tal que a fará sorrir novamente, e quando menos esperar, irá levantar-se de manhã e se dirá a si própria: “Hoje estou bem. Hoje vou abraçar o mundo”.

3. A tristeza como momento de reflexão para sairmos fortalecidos

Como se costuma dizer, não existe uma noite que não tenha sido vencida pela manhã. Quer dizer, que nenhum penar vai ser eterno, nem que o que dói tanto hoje, irá durar ou permanecer eternamente. Tudo se acalmará e tudo ficará melhor. Deve-se entender a tristeza como um instante de reflexão, como um momento no qual temos que colocar o nosso olhar para dentro de nós próprios, para nos podermos curar, para repararmos os danos, e também para tomarmos decisões, essa reflexão que traz a tristeza, deve-nos permitir abrir os olhos para a direção correta. Deve ser corajosa para a tomar, leve em conta que a sua felicidade merece, e que se não tomar as decisões adequadas ou não se atrevera reflectir, pode chegar o momento em que a frustração irá vencer. Então não hesite! Fortaleça a sua auto-estima e torne-se mais forte, depois da passagem por esse tenebroso túnel, que é a tristeza.


4. Pedir ajuda, às vezes é necessário!

Não pense que pode dar conta de tudo sozinha. Uma mão amiga, um ombro onde chorar e um rosto que a atenda com uma expressão sincera quando conversa consigo, pode ser uma ajuda inestimável. Mas escolha a pessoa mais adequada, existem pessoas que não sabem ouvir, ou não mostram essa abertura. Com certeza que no seu circulo de amigos mais próximo, existirá uma pessoa que tem sempre a palavra mais adequada para si, uma pessoa que não se importa qual o momento certo, para a receber e ouvir. Deixe-se ser ajudada, a solidão não é boa, quando nos sufoca com a tristeza.

5. Procure ânimo no seu dia a dia!

Os episódios de tristeza devem-nos servir para aprendermos, seguirmos novos rumos e sairmos fortalecidos.

Quando se levantar de manhã, defina um objectivo. Algo que a empurre por dentro e que a obrigue a sair da cama, a vestir-se, a sentir-se atraente e com vontade de sair de casa. Matricule-se nalgum curso: Pintura yoga, dança, etc. Algo coisa que a obrigue a manter a sua mente e o seu corpo ocupados nalgum projeto, por mais pequeno que seja.

É fundamental que encontre um sentido nas coisas que a rodeiam: No sorriso, no seu companheiro que a ama, ou no seus amigos e familiares que fazem tudo por si. Pense no seu bichinho de estimação que procura sempre a sua companhia, num passeio num parque, do qual desfrutava. Anime-se com uma viagem, com uma pequena ou grande mudança na sua vida, ou na sua casa. Proponha-se um objetivo e pense no que precisa de fazer para o conseguir realizar.

E assim, dia após dia, acabará por afastar a tristeza, a tal que aparece, e que às vezes não nos deixa ver o quanto é linda a vida.

Cuide-se, seja feliz todos os dias. Você Merece!

MARQUE AQUI A SUA CONSULTA: http://www.silatarot.pt/p/contactos.html

Se Gostou do que Leu, clique G+1 ( = Gosto)

Sila Tarot: O que Significa: "Fechar o Cofre?"


Diz-se na gíria popular a expressão "fechar o cofre" ao selamento do chacra do meio, no peito, no plexo solar o que inclui também fechar o chacra da coroa no topo da cabeça.

Ao realizar-se este processo, viola-se as Leis Divinas, porque se temos Dons activos é porque nos comprometemos a encarnarmos e a desenvolver a nossa espiritualidade em prole dos outros.

Mães zelosas levam os filhos que vêem, ouvem, sentem, tem premonições de acontecimentos futuros, ou incorporam entidades a alguém de vertente maligna que viola a Lei de Deus e fecha os Chacras do Médium, desabilitando as suas faculdades. Violando as Leis Divinas, condenando-o a ter que retornar noutra encarnação, para realizar as missões que deixam de realizar nesta vida.

A sua vida será para sempre com um profundo vazio e sem qualquer sentido, provocando uma revolta interior e desânimo a quem "fecharam o cofre".

Só pessoas malignas é que fecham os chacras ou na gíria, o "cofre", porque todos os que temem Deus e trilham os caminhos do Bem absoluto, jamais o farão, tentarão sempre ajudar a pessoa a compreender o que é, o que é esperado de si e como desenvolver, praticar e controlar as suas faculdades.

Normalmente uma pessoa com mediunidade muito activa já o terá sido numa ou mais encarnações anteriores um grande médium.

Por isso existem pessoas que facilmente dominam as suas faculdades, seja para o Bem , como infelizmente para o Mal.

Sim, muitos macumbeiros naturais são pessoas que foram médiuns em encarnações anteriores possivelmente ligados à bruxaria ou ao satanismo e trazem esses vícios agarrados ao espírito - sim, ao espírito porque os Dons são parte do espírito.

Estes macumbeiros naturais malignos, fazem-s passar por pessoas integras, passam o tempo todo a vender as suas virtudes e bondade como ajuda "desinteressada" parafraseando uma lábia profissional e ardilosa. Podem-se mostrar muito ateus ou incrédulos como se tais coisas fossem o maior dos absurdos - só a atenção e a experiência leva a que consigamos reconhecê-los.

Portanto, o "cofre" são os chacras que estão abertos, os dons estão activos - estamos a falar de um vidente/médium que pode profetizar ou incorporar.

Se não for ajudado a controlar a sua mediunidade pode ser possuído ou incorporado, o que no segundo caso, as entidades podem passar décadas sem ser detectadas ou sentidas, ou então, e por experiência vos digo que é muito chato e incómodo andar a passear inquilinos; sente-se uma pressão interior, como dentro dos pulmões ou a barriga. Normalmente quando somos só atacados, sentimos uma pressão ao nível do peito a uns 2 a 3 dedos de distância. Ou então sentimos dores na cabeça que são as entidades malignas a tentar violar o chacra da coroa.


Uma possessão é semelhante à incorporação autorizada, porque espírito e consciência saem do corpo, mas no primeiro caso, estas duas partes são expulsas pela entidade demoníaca. Muitos hospícios tem "loucos" que nada mais são, que possessões demoníacas.

Nos Evangelhos, Jesus explica muito sobre demónios e possessões pois expulsa-os e ensina a expulsar em seu nome...

Mas para concluir, podemos ter a situação de passearmos inquilinos que não tomam controle, porque se o fizessem, a pessoa original deixa de ter memória porque deixa de se encontrar no veículo corpo.

Se sentir no peito ou no topo da cabeça umas dores tipo opressão com ritmo, isso significa que uma entidade lhe fechou o chacra, e este encontra-se em colapso como quem tapa a boca e desesperadamente tenta-se respirar, neste caso, tenta obter energia porque os chacras são pontos de entrada e saída da nossa energia vital multidimensional.

Uma informação adicional; muitas entidades infiltram-se nos úteros vivendo lá indefinidamente e vão sugando a energia vital da mulher, podendo-lhe provocar inclusive problemas ginecológicos, a barriga na zona inferior fica inchada ou dilatada e a pessoa padece de instabilidade emocional, porque os órgão sexuais estão ligados a um chacra emocional. Também fisicamente estão ligados a uma vértebra, a L5 ao fundo das costas na curvatura; se esta vértebra lhe dói é porque energeticamente e fisicamente os seus órgãos sexuais estão em baixo (homens ou mulheres).



Se Gostou do que Leu, clique G+1 (= Gosto)